Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
10/05/2011 - 20h33

Câmara adia votação do Código Florestal para amanhã

Publicidade

DA AGÊNCIA CÂMARA

Os líderes partidários decidiram adiar para amanhã às 9 horas a votação do Código Florestal. Eles vão tentar chegar a um acordo sobre o texto do relator Aldo Rebelo (PC do B-SP).

Segundo o líder do PT, deputado Paulo Teixeira (SP), há divergência sobre a isenção da necessidade de recuperação da reserva legal para pequenas propriedades.

O governo quer manter o benefício apenas para agricultores familiares e cooperados. O relator quer para todos.

Acordos para texto final do Código Florestal avançam, diz PMDB
Votação está nas mãos de Rebelo, diz presidente da Câmara
Prefeitos apoiam texto original do novo Código Florestal
Reflorestamento sofreria com nova lei florestal, diz ministério
Aldo Rebelo é vaiado em Salvador
Relator é contrário a ajustes do governo para Código Florestal

O líder do PSDB, deputado Duarte Nogueira (SP), disse que o código vai ser votado amanhã independentemente de acordo.

Segundo ele, a estratégia da oposição é a de fazer com que o governo só consiga votar a medida provisória 521, que flexibiliza as licitações para a Copa do Mundo de 2014, se o código for votado antes.

A análise da MP também foi transferida para amanhã.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página