Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 

painel

 

27/11/2012 - 03h00

Ministro avisa Dilma que Rosemary não teve sigilo telefônico quebrado

DE SÃO PAULO

Caladão Dilma Rousseff recebeu no início da tarde de ontem informação do ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) de que a ex-chefe de gabinete da Presidência em São Paulo, Rosemary Noronha, não teve o sigilo telefônico quebrado. O potencial explosivo estaria nos e-mails e documentos apreendidos com ela. Autoridades que acompanham o caso estranharam o fato de a PF não ter pedido a interceptação dos telefonemas de Rose, nomeada para o cargo pelo ex-presidente Lula.

Guru Nas mensagens que enviava do e-mail da Presidência rastreadas pela PF, Rosemary Noronha incluía três mantras junto a sua assinatura: "Eu te adoro 2012", "saborosas manhãs 2012" e "Gumbelzin Ori Valimando", indicados pelo numerólogo Gilson Chveid Oen.

Ah, tá Os dois primeiros são mantras indicados para trazer sorte no ano, mas o último e impronunciável tem uma indicação específica, segundo o site do numerólogo: "Para ajudá-lo a melhorar sua vida material".

Pororoca... Num dos diálogos da Porto Seguro, Paulo e Rubens Vieira falam sobre o grupo de Carlinhos Cachoeira, investigado em outra operação da PF, a Monte Carlo. Na conversa, comentam a soltura do ex-sargento Idalberto Matias, o Dadá.

... dos escândalos Paulo, então, diz ao irmão que "agora o Tourinho deverá soltar o Cachoeira também", numa referência ao desembargador Tourinho Neto, do TRF da 1ª Região, que havia concedido habeas corpus ao empresário no processo.

Septicemia A maior preocupação do Planalto no caso é José Weber Holanda Alves, exonerado da função de advogado-geral-adjunto da União. Além do desgaste para o ministro Luís Inácio Adams, Dilma teme o potencial explosivo de seus pareceres.

Desce A crise praticamente sepultou as chances de Adams emplacar no STF seu amigo Heleno Torres, que também é muito próximo do investigado Weber Holanda.

Frigideira Entidades sindicais das carreiras da AGU fazem manifestação em frente ao órgão, em Brasília, quinta-feira, para pedir investigação rigorosa de Holanda.

Quem paga... O reequilíbrio financeiro do contrato de lixo é a causa do primeiro ruído das equipes de Fernando Haddad e Gilberto Kassab na transição. Estimado em R$ 170 milhões, o reajuste às empresas que operam o serviço deveria, contratualmente, ter sido efetuado em 2009.

... a conta? Agora, petistas temem que Kassab decida parcelar o repasse. O prefeito consultou a equipe de Haddad e técnicos da transição negociam com a Secretaria de Serviços para incorporar ao termo aditivo promessas da campanha para o setor.

Futurologia Do tucano Walter Feldman (SP), sobre as previsões de João Santana sobre as eleições e o STF. "Os marqueteiros não são mais humanos; querem se elevar à condição de profetas".

Redução... Pressionado pela queda na sua aprovação em razão da crise na segurança, Geraldo Alckmin pediu a auxiliares pelo menos uma agenda positiva por dia até o final do ano. Ontem, assinou convênios de repasses de verbas para 384 prefeituras.

... de danos Hoje, o governador anunciará projeto para custear os assentos provisórios exigidos para a abertura da Copa no Itaquerão.

Veja bem A despeito do movimento para lançá-lo a novo mandato na presidência da Assembleia paulista, Barros Munhoz (PSDB) diz que não será candidato ao posto "em hipótese alguma".

*

TIROTEIO

"Vice da CBF detido pela PF, técnico demitido, tatu-bola ofendido com apelido de "Fuleco". Há mesmo algo de podre no reino do futebol."

DO DEPUTADO CHICO ALENCAR (PSOL-RJ), ironizando a detenção de Marco Polo del Nero, a demissão de Mano Menezes e a escolha do nome do mascote da Copa.

*

CONTRAPONTO

Durante solenidade em que entregou chaves de 84 casas populares, sábado, em Palestina, região noroeste de São Paulo, Geraldo Alckmin foi cumprimentado pelo prefeito, Nicanor Nogueira Branco (PTB), que lançou, em seu discurso, o tucano à Presidência da República:

--Em breve quero vê-lo na cadeira da dona Dilma!

O discurso do petebista ocorria em meio à ameaça de temporal, com trovões a todo instante.

Um dos assessores brincou na plateia:

--Não se pode brincar com a presidente. Olha só a resposta nas nuvens. Será a reação do Planalto?

Com FÁBIO ZAMBELI e BRENO COSTA

painel

Vera Magalhães é editora do Painel. Na Folha desde 1997, já foi repórter do Painel em Brasília, editora do caderno 'Poder' e repórter especial.

 

As Últimas que Você não Leu

  1.  

Publicidade

Livraria da Folha

High Hitler

High Hitler

Norman Ohler

Comprar
Gordura Sem Medo

Gordura Sem Medo

Nina Teicholz

Comprar
Drogas: As Histórias Que Não Te Contaram

Drogas: As Histórias Que Não Te Contaram

Isabel Clemente, Ilona Szabó De Carvalho

Comprar
As Contradições Do Lulismo

As Contradições Do Lulismo

André Singer, Isabel Loureiro

Comprar
Querido Dane-se

Querido Dane-se

Kéfera Buchmann

Comprar

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página