Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
27/04/2012 - 19h21

Thor Batista não dirigia pelo acostamento, diz laudo de acidente

Publicidade

DO RIO

Um laudo preliminar do ICCE (Instituto de Criminalística Carlos Éboli) comprovou que o carro de Thor Batista, filho do empresário Eike Batista, não trafegava pelo acostamento quando atropelou um ciclista na rodovia Rio-Juiz de Fora (BR-040) em 17 de março.

Acompanhado de parentes, Thor vai à missa de ciclista morto no Rio
Thor encontra família de ciclista para 'superar trauma juntos'
Imprudência de ciclista poderia ter matado meu filho, diz Eike
Thor atropelou no acostamento, diz advogado da família de ciclista

Após o acidente, a família de Wanderson Pereira dos Santos, de 30 anos, afirmou que ele foi atingido enquanto pedalava pelo acostamento da estrada.

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, o laudo definitivo ainda não está pronto.

O ICCE ainda não conseguiu constatar a velocidade do carro de Thor no momento do acidente.

De acordo com a polícia, os peritos aguardam informações da montadora do veículo, Mercedes Benz, a quem recorreram para tentar determinar a velocidade.

Segundo o diretor do Departamento Geral de Polícia Técnico Científica, Sérgio Henriques, pelas características do carro, os peritos encontram dificuldades para obter essa informação.

A marca de frenagem, o ponto exato da colisão e a avaliação do ponto de impacto da vítima no veículo ficaram comprometidos, porque o carro tem freios ABS e a parte frontal é muito baixa e não se enquadra nas regras de criminalística conhecidas pelos peritos.

Nicson Olivier - 18.mar.2012/Folhapress
A Mercedes SLR McLaren de Thor Batista após atropelamento de ciclista no Rio, no último dia 17
A Mercedes SLR McLaren de Thor Batista após atropelamento de ciclista no Rio, no último dia 17
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página