Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
12/05/2012 - 18h29

Óculos da estátua de Drummond são depredados pela 8ª vez no Rio

Publicidade

DIANA BRITO
DO RIO

Vândalos depredaram pela 8ª vez os óculos da estátua do poeta Carlos Drummond de Andrade, neste sábado, em Copacabana, zona sul do Rio. A Secretaria Municipal de Conservação afirmou que vai notificar a Secretaria de Segurança para que os criminosos sejam identificados através de imagens de uma câmera instalada em frente ao monumento.

Divulgação -25.ago.2008
Estátua do poeta Carlos Drummond de Andrade sem os óculos em 2008
Estátua de Carlos Drummond de Andrade sem os óculos em 2008

De acordo com a prefeitura, os vândalos roubaram a metade dos óculos, incluindo aro e haste. A Secretaria de Conservação afirmou no final da tarde de hoje que irá repor a peça em 20 dias.

O monumento foi depredado pela última vez em janeiro de 2009. Apenas 11 meses depois, a escultura foi restaurada.

A estátua de bronze, em tamanho natural, reproduz a figura de Drummond sentado, de costas para o mar, num dos bancos do calçadão de Copacabana. O local era o preferido do poeta em seus passeios de fim de tarde.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página