Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
12/04/2011 - 08h35

Saiba quais são os 'tons-tendência' de cabelo para o inverno

Publicidade

DANAE STEPHAN
COLABORAÇÃO PARA FOLHA

Se no verão o que faz a cabeça da mulherada são as mechas californianas, os "beijos de sol" e os loiros em geral, no inverno, a tendência é sempre dar uma escurecida nos cabelos, buscando tons mais uniformes.

Brasileira está brincando mais com cores e cortes de cabelos

A próxima temporada não foge à regra. "Sempre optamos por cores mais fechadas no frio, como o loiro avelã, o chocolate e o mel", diz o cabeleireiro Paulo Cesar Schettini, do salão MG Hair, em São Paulo. A exceção, na paleta de tendências invernais, é o loiro acinzentado, que pode ser claríssimo ou levemente dourado.

Mas nada de cabelo monocromático. "A ideia nunca é ter um cabelo compacto, com uma só cor por igual. As técnicas de luzes continuam, mas no inverno elas são muito mais sutis, com um resultado mais natural", afirma Schettini.

O cabeleireiro Claus Borges, do salão 1838, em São Paulo, concorda: "As mechas são fininhas, feitas com pinceladas diagonais, para dar um reflexo apenas". As cores vão do loiro claro aos castanhos, passando pelo ruivo brilhante, pelo chocolate e pelo loiro avelã. Todas iluminadas com mechas finas com, no máximo, três tons de diferença.

ASSIMETRIA E LUZ

Carlos Cecconello/Folhapress
Assimetria e luz
Assimetria e luz

O loiro avelã ganhou uma leve iluminação dourada, que só fica evidente sob o sol. O corte, um chanel curto com a nunca bem alta e a franja irregular, é versátil: pode ficar todo para trás, estilo joãozinho, com a franja para a frente e as laterais atrás da orelha ou todo para a frente, evidenciando a assimetria. "Dá pra começar o dia de um jeito e terminar de outro", sugere Paulo César Schettini (MG Hair).

UNIFORMIDADE LOIRA

Carlos Cecconello/Folhapress
Uniformidade loira
Uniformidade loira

No cabelo naturalmente loiro, foram feitos reflexos de dois tons: "milk" e dourado suave. As mechas são bem fininhas, distribuídas uniformemente no comprimento. "As pontas têm a mesma cor do comprimento, o que dá naturalidade à técnica", diz Schettini. O corte no ombro é uma das tendências mais fortes do inverno. A base é quadrada, e o desafio começa abaixo do queixo. A franja é longa, dando a impressão de um fio reto, mas também funcionaria bem uma franja curta ou em diagonal.

CABEÇA DE DIVA

Carlos Cecconello/Folhapress
Cabeça de diva
Cabeça de diva

O castanho claro recebeu mechas em dois tons de mel, além de um dourado sutil nas pontas. O corte em camadas, mais longo, é na medida para a brasileira. "Mas o comprimento ideal não passa da linha do peito." As pontas são levemente desfiadas e a franja, longa, é cortada na diagonal. O penteado de diva foi feito com babyliss formando ondas, e é dos mais vistos nas passarelas das semanas de moda.

CACHOS DE COBRE

Carlos Cecconello/Folhapress
Cachos de cobre
Cachos de cobre

O ruivo é presença garantida no clima frio. Isso porque a pele bronzeada não fica bem com tons avermelhados. "Neste look, o ruivo ganhou pontas levemente douradas, para ficar bem natural", diz Schettini. O corte é reto, com um desfiado muito sutil nas pontas, para não armar ainda mais o cabelo naturalmente volumoso. Quem não segurar o vermelhão pode investir em marrom avermelhado ou loiro acobreado.

+ Livraria

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página