Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 

Pan 2011

Quadro completo

          total
EUAEUA 92 79 65 236
CubaCuba 58 35 43 136
BrasilBrasil 48 35 58 141
MéxicoMéxico 42 41 50 133
História

Cali - 1971

Reprodução

Brasileiro Ian Ritchie em ação no torneio de tiro do Pan-Americano de Cali, na Colômbia.
Brasileiro Ian Ritchie em ação no torneio de tiro do Pan-Americano de Cali, na Colômbia.
Medalhas
       
Estados UnidosEstados Unidos 105 74 39
CubaCuba 30 49 24
CanadáCanadá 19 20 42
BrasilBrasil 9 7 14
ArgentinaMéxico 7 11 23

Cuba alcança vice-liderança do Pan

A sexta edição dos Jogos Pan-Americanos, realizada de 31 de julho a 13 de agosto, em Cali, marca a ascensão do esporte cubano. Pela primeira vez na história da competição, a ilha de Fidel Castro terminou na segunda posição no quadro de medalhas, atrás apenas dos Estados Unidos. Essa ordem se manteve até 1991, quando os cubanos conseguiram desbancar o rival da liderança da classificação final. Os EUA, no entanto, retomaram a hegemonia continental quatro anos depois, no segundo Pan de Buenos Aires.


Pôster dos Jogos Panamericanos de Cali - 1971

Brasil


O crescimento cubano no Pan-Americano recolocou o Brasil fora do pódio do quadro de medalhas. Com 30 láureas e nove ouros, o país terminou na quarta posição na classificação final. Os Jogos de Cali-71 foram marcados também pelo ótimo desempenho brasileiro no basquete, que ficou com o ouro nas competições feminina e masculina.

Curiosidades

O Pan-Americano de Cali contou com a participação de 2.935 atletas, representando 32 países, em 17 esportes, número superior aos Jogos de Winnipeg, quando 29 nações enviaram um total de 2.361 competidores.

Um dos destaques cubanos foi o ginasta Jorge Rodríguez, que ganhou três medalhas de ouro (cavalo com alças, barra fixa e equipes), duas de prata (solo e salto sobre o cavalo) e uma de bronze (argolas).

Em Cali, pela terceira edição seguida, o atletismo brasileiro não conquistou nenhuma medalha de ouro. Foram duas de prata e uma de bronze. O país só voltaria a subir no lugar mais alto com João do Paulo, em 1975, no salto triplo.

O Brasil alcançou o melhor desempenho da história no remo. Harry Edmundo Klein e Edgar Gijsen foram ouro no double sculls, e Atalíbio Magioni, Celenio da Silva e Manuel Thereso, no Dois com. O outro título foi no Quatro sem.

Uma das supresas em Cali foi a eliminação da equipe norte-americana de basquete, que ficou fora da disputa por medalhas após derrota inesperada para Cuba. Com isso, o caminho ficou aberto para a 1ª conquista do Brasil.

O iatista Jörg Bruder conquistou o bicampeonato pan-americano na classe finn em Cali. Ele também foi 11 vezes campeão brasileiro (dez seguidas) e tricampeão mundial, em 1970, 1971 e 1972 --recorde histórico.

Bertino Alves de Souza superou o campeão pan-americano de 1967, o norte-americano Hershell Anderson, e conquistou ouro na pistola livre, garantindo o primeiro ouro do Brasil no tiro na história da competição continental.

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Fogão Fogão De diversas marcas a partir de R$ 358,20

Notebook Notebook Windows 8, LED, Intel" Core a partir de R$ 799,00

Home Theater | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página