Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 

Jogos PanAmericanos 2011

História

Cali - 1971

Reprodução

Brasileiro Ian Ritchie em ação no torneio de tiro do Pan-Americano de Cali, na Colômbia.
Brasileiro Ian Ritchie em ação no torneio de tiro do Pan-Americano de Cali, na Colômbia.
Medalhas
       
Estados UnidosEstados Unidos 105 74 39
CubaCuba 30 49 24
CanadáCanadá 19 20 42
BrasilBrasil 9 7 14
ArgentinaMéxico 7 11 23

Cuba alcança vice-liderança do Pan

A sexta edição dos Jogos Pan-Americanos, realizada de 31 de julho a 13 de agosto, em Cali, marca a ascensão do esporte cubano. Pela primeira vez na história da competição, a ilha de Fidel Castro terminou na segunda posição no quadro de medalhas, atrás apenas dos Estados Unidos. Essa ordem se manteve até 1991, quando os cubanos conseguiram desbancar o rival da liderança da classificação final. Os EUA, no entanto, retomaram a hegemonia continental quatro anos depois, no segundo Pan de Buenos Aires.


Pôster dos Jogos Panamericanos de Cali - 1971

Brasil


O crescimento cubano no Pan-Americano recolocou o Brasil fora do pódio do quadro de medalhas. Com 30 láureas e nove ouros, o país terminou na quarta posição na classificação final. Os Jogos de Cali-71 foram marcados também pelo ótimo desempenho brasileiro no basquete, que ficou com o ouro nas competições feminina e masculina.

Curiosidades

O Pan-Americano de Cali contou com a participação de 2.935 atletas, representando 32 países, em 17 esportes, número superior aos Jogos de Winnipeg, quando 29 nações enviaram um total de 2.361 competidores.

Um dos destaques cubanos foi o ginasta Jorge Rodríguez, que ganhou três medalhas de ouro (cavalo com alças, barra fixa e equipes), duas de prata (solo e salto sobre o cavalo) e uma de bronze (argolas).

Em Cali, pela terceira edição seguida, o atletismo brasileiro não conquistou nenhuma medalha de ouro. Foram duas de prata e uma de bronze. O país só voltaria a subir no lugar mais alto com João do Paulo, em 1975, no salto triplo.

O Brasil alcançou o melhor desempenho da história no remo. Harry Edmundo Klein e Edgar Gijsen foram ouro no double sculls, e Atalíbio Magioni, Celenio da Silva e Manuel Thereso, no Dois com. O outro título foi no Quatro sem.

Uma das supresas em Cali foi a eliminação da equipe norte-americana de basquete, que ficou fora da disputa por medalhas após derrota inesperada para Cuba. Com isso, o caminho ficou aberto para a 1ª conquista do Brasil.

O iatista Jörg Bruder conquistou o bicampeonato pan-americano na classe finn em Cali. Ele também foi 11 vezes campeão brasileiro (dez seguidas) e tricampeão mundial, em 1970, 1971 e 1972 --recorde histórico.

Bertino Alves de Souza superou o campeão pan-americano de 1967, o norte-americano Hershell Anderson, e conquistou ouro na pistola livre, garantindo o primeiro ouro do Brasil no tiro na história da competição continental.

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página