Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
28/12/2010 - 09h39

Inter envia emissário à Espanha para conferir as condições de Kaká, diz jornal

Publicidade

DA EFE

Interessada em contratar o brasileiro, a Inter de Milão vai enviar um emissário aos dois primeiros jogos do próximo ano do Real Madrid para avaliar as condições físicas do meia Kaká --afastado dos campos desde a Copa-2010, em julho--, afirma nesta terça-feira o jornal italiano "Corriere dello Sport".

Paul White - 2.mai.2010/AP
ORG XMIT: LON105 FILE - Real Madrid's Kaka from Brazil eyes the ball during a Spanish La Liga soccer match against Osasuna at the Santiago Bernabeu stadium in Madrid in this Sunday May 2, 2010 file photo. Madrid manager Jose Mourinho says Kaka is back in training and will return to first-team action next month after knee surgery. The Portuguese coach says he will be back in the squad "by mid-January." Kaka trained with the rest of the squad on Saturday Dec 18 2010 for the first time since undergoing surgery on his left knee on Aug. 5. (AP Photo/Paul White, file)
Kaká, em maio, atuando pelo Real Madrid

Como sustenta a publicação, a Inter terá um representante na partida pelo Campeonato Espanhol do Real Madrid contra o Getafe em 3 de janeiro e da Copa do Rei contra o Levante em 6 de janeiro, jogos em que Kaká poderia entrar em campo depois da recuperação da lesão que o manteve longe dos gramados.

A partir de quarta-feira, a Inter terá à frente o brasileiro Leonardo, substituindo o espanhol Rafa Benítez, o principal trunfo do clube para atrair o jogador do Real Madrid a seu vestiário.

O "Corriere dello Sport" garante que, em caso de as condições físicas do brasileiro serem apropriadas, a Inter pretende repatriá-lo já na próxima janela do inverno europeu.

"A alternativa, sobretudo se o brasileiro não estiver bem, seria adiar o assunto até o próximo verão europeu", comenta o diário.

Por enquanto, o agente Fifa Ernesto Bronzetti, que é amigo do presidente do clube espanhol, Florentino Pérez, assegurou que não consegue imaginar que uma operação como essa ocorra dessa forma e que o Chelsea também estaria envolvido no negócio.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página