Anterior | Índice | Próxima

Poeta José Paulo Paes morre aos 72 anos

Da Redação 09/10/98 17h08
Em São Paulo

O poeta, tradutor e ensaísta José Paulo Paes morreu nesta sexta (9) em São Paulo, vítima de um edema agudo do pulmão. Ele tinha 72 anos.

Paes chegou a ser levado de madrugada para o pronto-socorro do hospital Beneficência Portuguesa e deu entrada na Unidade de Terapia Intensiva.

Paes sofria do coração. A doença entupiu três artérias coronárias e dilatou o coração, levando à insuficiência cardíaca e ao aumento de líquido no pulmão, que provocou o edema agudo.

O tradutor de oito línguas era membro do Instituto de Estudos Avançados da USP. Destacou-se como poeta - fez parte da chamada “Geração de 45” - e também autor de ensaios.

O seu primeiro livro é de 1947, "O Aluno". Em 1995, publicou
“Transleituras” e “Poemas da Antologia Grega ou Palatina”.

Em 1997, Paes ganhou o prêmio Jabuti pelo livro infantil “Um Passarinho Me Contou” e, em 1998, pela tradução de “Ascese - Os Salvadores de Deus”, de Nikos Kazantzákis.


Anterior | Índice | Próxima



Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo
desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,
sem autorização escrita do Universo Online ou do detentor do copyright.