Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
05/07/2005 - 18h05

STF concede habeas corpus que evita prisão de Marcos Valério durante CPI

Publicidade

PATRICIA ZIMMERMANN
da Folha Online, em Brasília

A presidente em exercício do STF (Supremo Tribunal Federal), ministra Ellen Gracie, concedeu hoje o habeas corpus preventivo solicitado pelo empresário Marcos Valério Fernandes de Souza.

A decisão garante a liberdade do empresário durante seu depoimento à CPI mista dos Correios, marcado para a manhã desta quarta-feira, e em outros atos da comissão.

Pela decisão do STF, ele deverá ser tratado como investigado, podendo recusar-se a firmar termo de compromisso legal de testemunha ou ainda exercer o direito de permanecer em silêncio. Ele também terá direito a ser "assistido" por seu advogado.

A CPI mista que investiga um suporto esquema de corrupção nos Correios já aprovou a quebra de sigilos fiscal, bancário e telefônico do empresário.

"Às Comissões Parlamentares de Inquérito poder-se-ão opor os mesmos limites formais e substanciais oponíveis aos juízes, dentre os quais os derivados da garantia constitucional da não-auto-incriminação, que tem sua manifestação mais eloqüente no direito ao silêncio dos acusados", afirmou a ministra ao conceder a liminar.

Leia mais
  • Líder do PMDB diz que Valério também negociava cargos no governo
  • Para analistas, PT terá dificuldade de recuperar imagem no exterior
  • PT define substitutos de Delúbio e Silvio Pereira no final de semana
  • PT confirma afastamento de Delúbio e divulga carta enviada à Executiva

    Especial
  • Leia a cobertura completa sobre o caso da mesada no Congresso
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página