Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
17/04/2010 - 13h09

Governador de São Paulo pode deixar hospital antes do previsto

Publicidade

Colaboração para a Folha

O boletim médico divulgado pelo Hospital Alemão Oswaldo Cruz na tarde desta sábado informou que o governador de São Paulo, Alberto Goldman (PSDB), apresenta "evolução pós-operatória bastante satisfatória" e pode voltar para casa antes do previsto. Ele passou por uma cirurgia de remoção da próstata na manhã de sexta (16), no hospital localizada na zona sul de São Paulo.

Danilo Verpa/Folha Imagem
Alberto Goldman(PSDB), que assumiu o governo de São Paulo no dia 6 de abril, passou por uma cirurgia na próstata nesta sexta
Alberto Goldman(PSDB), que assumiu o governo de São Paulo no dia 6 de abril, passou por uma cirurgia na próstata na sexta (16)

De acordo com o boletim, o governador está se alimentando normalmente e todos seus controles vitais estão normais. Por conta disso, seu tempo de internação hospitalar, antes previsto para ser de cinco a sete dias, deve ser abreviado.

O boletim de ontem informou que Goldman deu entrada no Hospital Alemão Oswaldo Cruz na noite de quinta-feira (15) e foi submetido hoje "a uma intervenção cirúrgica para tratamento de neoplasia prostática".

"A intervenção, realizada pelo médico Miguel Srougi, transcorreu de forma normal, tendo sido comprovada a presença de doença com características favoráveis, o que permite assegurar chances praticamente definitivas de cura", diz a nota divulgada pelo hospital.

Governo de São Paulo

Segundo nota da assessoria do governo do Estado, "o governador Goldman não se afastou do cargo e despachará normalmente nos próximos dias, durante sua recuperação. Assim que receber alta médica, o governador também retomará sua agenda de compromissos no Palácio dos Bandeirantes".

Goldman, ex-deputado federal também pelo PSDB, assumiu o governo do Estado de São Paulo no dia 6 de abril, após José Serra (PSDB) deixar o cargo para disputar a Presidência.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página