Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
28/03/2006 - 16h36

Na posse, Mantega se diz "avesso a aventuras" e elogia Palocci

Publicidade

PATRÍCIA ZIMMERMANN
da Folha Online, em Brasília

O novo ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse hoje defender um desenvolvimento "responsável" e "avesso a aventuras e ao entusiasmo infantil".

Conhecido por defender uma linha mais desenvolvimentista que seu antecessor, Antonio Palocci, o novo ministro disse que continua fiel a si mesmo e a suas idéias.
Efe
Mantega assume Fazenda
Mantega assume Fazenda


Ele sinalizou, entretanto, que não haverá mudanças na política econômica, cujo "fiador" é o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e não Palocci.

O novo ministro também foi bastante enfático ao elogiar Palocci e sua atuação no ministério. "Em 2004 o Brasil deu início a um ciclo de desenvolvimento continuado com as características de desenvolvimento econômico, distribuição de renda, geração de empregos e redução da pobreza. Em grande parte tudo isso se deveu à tenacidade e à competência do ministro Antonio Palocci, a quem rendo minhas homenagens e o respeito de companheiro de longa data."

Ao tomar posse em solenidade no Palácio do Planalto, Mantega disse ainda encontrar o ministério, a economia e o país em condições muito melhores que seu antecessor.

Mantega também destacou o aumento do emprego e da massa salarial, o crescimento da produtividade, o controle da inflação e a queda dos juros como importantes contribuições .

Leia mais
  • Secretário do Tesouro aceita convite do BID e deixa governo
  • Mantega defende juros "civilizados" e vê prejuízos com câmbio
  • Governo zera dívida cambial externa e interna
  • Bovespa cai e dólar sobe com incertezas com política econômica

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Guido Mantega
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página