Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
06/02/2006 - 15h39

Ensino fundamental de 9 anos beneficia estudantes mais pobres, diz Lula

Publicidade

da Folha Online

Ao sancionar nesta segunda-feira a lei que amplia o ensino fundamental de oito para nove anos, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que a medida vai beneficiar principalmente os estudantes de baixa renda.

"O que vocês fizeram, na verdade, foi estender para milhões e milhões de crianças pobres, o direito que algumas outras crianças já tinham, de poder se preparar antes de entrar no ensino fundamental. Vocês estão dando agora a oportunidade para que todas as crianças do Brasil tenham a mesma oportunidade", afirmou Lula na cerimônia de assinatura da lei, no Ministério da Educação.

Com a ampliação, a entrada das crianças na escola começa aos 6 anos de idade --atualmente, as crianças iniciam o ensino fundamental aos 7 anos. A lei estabelece que Estados, municípios e o Distrito Federal terão prazo até 2010 para se adequar à mudança. Atualmente, mais de mil municípios em 12 Estados já adotam o ensino fundamental de nove anos, atendendo um total de 8,1 milhões de alunos segundo dados preliminares do Censo Escolar 2005.

Lula sancionou também a lei que prevê a concessão de bolsas de estudo e pesquisa para professores da educação básica que participam de cursos de formação. As bolsas serão mensais e estão divididas em quatro valores, de acordo com o programa de formação, variando de R$ 100 a R$ 1,2 mil.

Em seu discurso, o presidente afirmou que o país vive um momento de esperança na educação. Entre as iniciativas adotadas nos últimos três anos, ele destacou a aprovação do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica) pela Câmara dos Deputados e a proposta de reforma universitária.

A valorização do ensino técnico também foi citada pelo presidente. "O Estado voltou a assumir a paternidade pelo ensino técnico do país, ou seja, nós não precisamos saber se uma prefeitura ou se o Estado vai ter dinheiro para gerenciar uma escola técnica, porque é da nossa responsabilidade e nós não fugiremos à nossa responsabilidade", disse.

Com Agência Brasil

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o ensino fundamental
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Geladeiras Geladeiras Frost Free, Duplex, a partir de R$ 862,20

    Notebook Notebook Trabalhe, estude, jogue, a partir de R$ 769,00

    Celulares | Tênis | Mais...

    Voltar ao topo da página