Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
19/03/2005 - 18h00

São Paulo goleia o Marília, dispara no Paulista e leva Taça dos Invictos

Publicidade

da Folha Online

O São Paulo goleou o Marília por 6 a 0, na tarde deste sábado, pela 13ª rodada do Campeonato Paulista, no Morumbi, completou três meses sem derrotas e aumentou sua vantagem na liderança do Estadual, com direito a maior goleada do campeonato.

Sem derrotas em 2005, os são-paulinos viram seu último revés na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2004, contra o Goiás, por 2 a 0, no dia 19 de dezembro, no Serra Dourada.

De quebra, a equipe comandada por Emerson Leão leva para a sede do clube a Taça dos Invictos, recriada neste ano pela Federação Paulista e que premia a equipe que mais jogos permanecer invicta na competição estadual --após treze rodadas, nenhuma equipe paulista pode quebrar a marca são-paulina em 2005.

O resultado deste sábado levou o elenco do Morumbi aos 35 pontos na competição, contra 27 do segundo colocado, o Santos, que tem um jogo a menos --o time da Vila Belmiro enfrenta o América, no domingo.

Com as atenções voltadas para os atacantes Frontini, do Marília, e Diego Tardelli, do São Paulo, ambos artilheiros do Estadual, com dez gols, quem se destacou foi o meia Danilo, que fez o passe para Júnior no primeiro gol de seu time e marcou mais dois contra o elenco do interior, que ostentava antes deste sábado uma invencibilidade de sete jogos no campeonato.

O domínio são-paulino se transformou em gol logo no início da partida. Aos 2min, após passe de Danilo, Júnior bateu de primeira, rasteiro e colocado para marcar o primeiro do jogo.

Após um período de equilíbrio, o time do técnico Leão voltou a dominar completamente a partida após os 30min da etapa inicial. Com Danilo inspirado, o São Paulo ampliou. Aos 34min, o meia recebeu na entrada da área, puxou para a perna direita e acertou o ângulo do goleiro Bruno: 2 a 0.

Inspirado, o time da casa marcou o terceiro gol ainda no primeiro tempo. Aos 46min, Danilo recebeu na entrada da área e, novamente de pé direito, que não é seu preferido, chutou com força. A bola resvalou na defesa do Marília e enganou o goleiro Bruno.

O segundo tempo começou da mesma maneira como terminou o primeiro para o elenco são-paulino. Logo aos 7min, Marco Antônio cobrou falta da intermediária com perfeição, a bola chegou a bater na trave, mas entrou. 4 a 0.

Em ritmo de treino, Grafite, o único atacante a marcar um gol neste sábado, marcou o quinto. Aos 21min, o jogador recebeu na lateral-direita, se livrou da defesa e bateu na saída do goleiro Bruno. 5 a 0.

Em bola parada, o time da capital encontrou espaço para marcar o sexto. Aos 28min, Rogério Ceni bateu no canto direito de Bruno, que ficou parado, e viu o adversário marcar mais um.

Após o gol, o time do Morumbi diminuiu o ritmo e viu o Marília tocar a bola no meio campo temendo levar mais gols do inspirado São Paulo, que saiu de campo aplaudido pela torcida.

Na próxima rodada do Paulista, o São Paulo enfrenta o Guarani, na quarta-feira (23), em partida marcada para o estádio Brinco de Ouro, em Campinas. Um dia antes, o Marília enfrenta a Ponte Preta em casa.

Especial
  • Saiba o que já foi publicado sobre o São Paulo no Estadual
  • Saiba o que já foi publicado sobre o Marília no Estadual
  • Leia mais notícias no especial do Campeonato Paulista-2005
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página