Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
24/07/2001 - 15h55

Com "Presença de Anita", Globo estréia minissérie a la "Lolita"

Publicidade

da Folha Online

A Rede Globo estréia no próximo dia 7 de agosto a sua versão do romance "Lolita", de Vladimir Nabokov, com a minissérie "Presença de Anita", escrita por Manoel Carlos a partir do livro homônimo (Mário Donato, 1948), que narra a história de uma jovem de 18 anos que se envolve com com um arquiteto de meia idade em crise conjugal.

"Presença de Anita" terá 16 capítulos e será exibida de terça a sexta-feira, sempre após as 22h. A associação a "Lolita" é inevitável e o próprio autor admite a forte presença da personagem.

" Toda história envolvendo uma ninfeta e um homem maduro parece inspirada em 'Lolita', de Nabokov. Com a minissérie não será diferente. Mas o tema é recorrente em outros romances. Só que Anita tem algo diferente: ela teve uma infância perdida. Foi vítima precoce da própria família que a empurrou para os braços de um velho pintor que a protegeu em troca de sexo, quando ela tinha apenas 12 anos. Anita é uma grande vítima das circunstâncias. Um outro aspecto que a diferencia de Lolita é a experiência que carrega. A experiência de uma mulher, não de uma adolescente", diz Manoel Carlos.

"A história que eu conto não é apenas a de uma ninfeta que seduz um homem e um garoto. Mas a história de três irmãs infelizes, todas elas mal-amadas: Lucia, Julieta e Marta, as duas últimas com as cabeças povoadas de fantasias eróticas. Uma dessas fantasias, a de Marta, é a fixação que ela tem por homens negros e fortes, que ela tenta disfarçar com uma exagerada demonstração de preconceito racial. Odeia os negros que deseja. O pai, Venâncio, é um machista, prepotente, preconceituoso, que trata as mulheres como empregadas."

A minissérie tem um elenco "de peso", grande parte vinda da novela "Laços de Família", maior sucesso da emissora no ano passado, também escrita por Manoel Carlos. Para viver o papel principal, a Globo contratou Mel Lisboa, que faz sua estréia na TV. Ela contracenará com José Mayer, que se apaixonará por sua personagem, e também ao lado de Helena Ranaldi, Vera Holtz, Julia Almeida, Umberto Magnani, Carolina Kasting e Linneu Dia estão no elenco.

As gravações de "Presença de Anita" começaram em 6 de julho passado, na cidade de Vassouras (RJ), que reproduziu o cenário da cidade de Florença, onde se passa a história.

"Presença de Anita" começa no cotidiano de São Paulo e depois se passa no interior do Estado, onde Nando (José Mayer) conhece Anita (Mel Lisboa), cuja presença interfere em praticamente todo o elenco da trama.

A minissérie é dirigida por Ricardo Waddington e Alexandre Avancini.

Leia também:

  • Saiba quem é quem na minissérie "Presença de Anita", da Globo
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página