Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
19/04/2007 - 14h14

Rede TV! procura protagonista do vídeo "Fala Sonia"

Publicidade

da Folha Online

A Rede TV! está interessada na protagonista do vídeo "Fala Sonia", que virou hit no YouTube. A emissora planeja contar a história da mineira Maria Sonia de Souza, 50, no programa "Superpop", de Luciana Gimenez.

Sonia mora em Indaiatuba (102 km a noroeste de SP) e está gostando da repercussão do filme. "Estou achando maravilhoso, uma bênção de Deus", disse ela à Folha Online.

Há cerca de duas semanas, o estudante de medicina veterinária Micael Oliveira Lima Fernandes, que trabalha em um escritório onde Sonia faz a faxina, colocou um vídeo no YouTube em que ela tenta falar o endereço do site, com muita dificuldade. O hit de humor já teve mais de 400 mil acessos.

Divulgação
Micael Fernandes, autor do "Fala Sonia", e a própria ficaram surpresos com a repercussão
Micael Fernandes, autor do "Fala Sonia", e a própria ficaram surpresos com a repercussão
Apesar de causar risos, muitos internautas criticaram as imagens, acusando o autor de expor Sonia ao ridículo. Em comentários enviados à Folha Online, alguns perguntam-se se Sonia sabia que estava na internet.

Sonia, porém, afirma que sabia que o vídeo ia ser colocado no site. Ela sentiu uma "emoção" quando o viu pela primeira vez. "Senti paz", diz.

Lima, que não imaginava tamanha repercussão ("A idéia era colocá-lo depois no meu perfil no Orkut, para mostrar aos amigos"), diz que pediu permissão a Sonia para colocar o vídeo no YouTube. "Ela assiste ao vídeo todo dia. Ela mesmo não agüenta de rir", garante.

Sonia, que estudou até a quarta série, até já deu autógrafo na rua, perto de um supermercado. Diz que se assustou no começo. "Eu não sabia o que era [autógrafo]", conta ela, que achou que fosse um seqüestro. "Mas o Micael explicou que posso dar [autógrafo]".

Sonia diz que fará mais vídeos com Micael. "Ele é meu empresário", afirma.

Críticas

Entre os comentários enviados à Folha Online, alguns internautas acusam o autor do vídeo de explorar a imagem de Sonia e de debochar de sua suposta "ignorância".

Reprodução
Vídeo "Fala Sonia", disponível no YouTube, virou hit de humor e gerou críticas
Vídeo "Fala Sonia", disponível no YouTube, virou hit de humor e gerou críticas
Lima garante que a intenção não foi nem uma, nem outra.

"Queria deixar a mensagem para os que criticaram o vídeo: a Sonia fez isso de livre e espontânea vontade", diz. "Não foi com o intuito de ridicularizar. Foi uma brincadeira entre a gente. Se eu tivesse avisado a Sonia depois [de ter postado o vídeo], seria exploração. Não foi exploração, nem tirei sarro dela", defende-se.

O "Fala Sonia" entra, assim, na lista dos vídeos e depoimentos que, entre risadas e críticas, fizeram sucesso.

Um deles foi o vídeo, também no YouTube, intitulado "Tapa na Pantera", no qual a avó "maconheira" interpretada por Maria Alice Vergueiro divaga sobre os efeitos da erva. Os acessos ao curta atingiram a casa dos milhões.

Outro depoimento que virou assunto para muita conversa foi transmitido pela TV. No final de um dos capítulos da novela "Páginas da Vida" (Rede Globo), exibida no ano passado, uma mulher de 68 anos falava sobre seu primeiro orgasmo, aos 45 anos, provocado com masturbação.

Leia mais
  • Leia comentários de internautas sobre o vídeo "Fala Sonia"
  • Mulher que não consegue falar endereço do YouTube faz sucesso no site

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o YouTube
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página