Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
02/06/2004 - 09h10

Bluetooth e infravermelho são tecnologias wireless mais comuns

Publicidade

FERNANDO BADÔ
da Folha de S.Paulo

Bluetooth e infravermelho são duas das tecnologias mais comuns para transmitir dados sem o uso de cabos. A diferenças entre os dois padrões são marcantes e garantem que ambos convivam no mesmo ambiente.

O infravermelho realiza transmissão de dados por meio de um espectro de luz. Suas vantagens são componentes (transmissores e receptores) simples e de custo relativamente baixo, além da não interferência de aparelhos elétricos no sinal. As desvantagens são a facilidade com que se pode interromper o espectro de luz e a baixa velocidade de transmissão.

O bluetooth é um padrão de transmissão por radiofreqüência (2,4 GHz, no Brasil). As vantagens são a capacidade de transmissão (os sinais atravessam paredes) e a velocidade mais alta do que a do infravermelho. A principal desvantagem é a possibilidade de interferência de equipamentos elétricos em funcionamento.

Por curiosidade: o nome bluetooth (algo como dente azul, em inglês) que batizou a tecnologia é uma homenagem das empresas criadoras a um rei viking do século 10 chamado Harald Bluetooth, que uniu Dinamarca e Noruega.

Em testes realizados pela reportagem, nenhum das duas transmissões apresentou problemas. A por bluetooth foi mais rápida. Antes, porém, foi preciso que um aparelho localizasse outro, uma tarefa simples, explicada pelos manuais de cada aparelho.

Também são comuns teclado e mouse sem fios, que dão maior mobilidade ao usuário.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Fogão Fogão De diversas marcas a partir de R$ 358,20

Notebook Notebook Windows 8, LED, Intel" Core a partir de R$ 799,00

Home Theater | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página