Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
19/12/2002 - 10h23

Reino Unido aprova policiais armados a bordo de aviões britânicos

da France Presse, em Londres

Policiais armados se encontrarão de agora em diante a bordo de aviões das companhias aéreas britânicas para impedir que os aparelhos sejam sequestrados, disse hoje o ministro dos Transportes do Reino Unido, Alistair Darling.

"Policiais civis, especialmente treinados, podem trabalhar agora a bordo de aparelhos civis britânicos", afirmou Darling, por meio de um comunicado.

"Esta medida apropriada e razoável se agrega a uma série de medidas já aplicadas para fazer lugar à ameaças que pesam sobre os interesses britânicos e sobre a aviação britânica", declarou.

Darling disse que a aviação britânica é objeto de ameaça "real", mas que essa medida não foi tomada em resposta a um alerta particular.

"O governo continuará trabalhando com as companhias aéreas britânicas a respeito de medidas duradouras para responder à ameaça terrorista", afirmou o ministro.

"Somos contra", declarou Chris Hodgkinson, representante do sindicato dos pilotos britânicos, ao ser questionado pelo canal de TV Sky News.

As linhas aéreas britânicas manifestaram no dia 1º de dezembro sua reticência aos planos governamentais de impor a presença de policiais armados por motivos de segurança.

Leia mais sobre a guerra contra o terrorismo
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página