Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
17/01/2003 - 18h42

EUA enviam mais 7 navios com 10 mil homens ao golfo Pérsico

da Folha Online

Sete navios de guerra zarparam hoje da Califórnia (sudoeste dos Estados Unidos) para o golfo Pérsico, com 10 mil militares que se somarão às forças mobilizadas para uma eventual guerra contra o Iraque.

Os barcos anfíbios "USS Boxer" e "USS Bonhomme Richard" estão sendo acompanhados pelas balsas de transporte, também anfíbias, "USS Cleveland" e "USS Dubuque", e pelas plataformas de desembarque "USS Anchorage", "USS Comstock" e "USS Pearl Harbor".

Cerca de 200 pessoas ligadas aos militares assistiram à partida dos navios, algumas chorando. As imagens foram muito divulgadas pelas redes de TV norte-americanas.

Os sete navios levam cerca de 5.000 fuzileiros navais de Camp Pendleton, Califórnia, e 5.000 marinheiros, disse a comandante Jacquie Yost, porta-voz da Terceira Frota da Marinha.

A viagem deve durar "cerca de um mês", disse Yost. "Neste momento não sabemos a data final de chegada".

As embarcações farão parte da concentração militar dos Estados Unidos no golfo Pérsico para uma possível guerra contra o Iraque. O Pentágono reúne atualmente uma força de 150 mil efetivos na região.

O "USS Boxer" e o "USS Bonhomme Richard", com cerca de 26 metros de comprimento, são parecidos com porta-aviões e levam fuzileiros e helicópteros para invasões por terra.

Cada um deles carrega helicópteros, entre eles modelos "CH-46 Sea Knight", e aviões de ataque "AV-8B Harrier".

Os Estados Unidos já têm dois grupos de batalha de porta-aviões na região. Outros estão em alerta para possível envio. Além disso, o navio-hospital "USNS Comfort" está a caminho do golfo para tratar as vítimas em caso de guerra.

O presidente dos EUA, George W. Bush, afirma que o país vai liderar uma coalizão para desarmar o Iraque à força caso os iraquianos não desistam de seus programas de armas de destruição em massa, conforme exigência de resoluções da ONU. O Iraque nega possuir tais programas.

Com agências internacionais

Leia mais no especial Iraque

Leia também:

  • Londres vai mandar 14 mil homens para o Golfo, diz tablóide

  • OEA suspende mesa de negociações devido a tensões na Venezuela

  • Bomba explode em frente à casa de diplomata dos EUA em Madagáscar

  • Pedófilo belga será julgado por crimes cometidos em 1996

  • Inaugurado túnel ferroviário que liga a Espanha à França

  • Miss Alemanha diz que gostaria de conversar com Saddam Hussein


  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página