Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
16/01/2005 - 21h16

Japão lembra terremoto de 1995 que matou 6.400 em Kobe

Publicidade

da France Presse, em Kobe

O grande porto japonês de Kobe foi palco na manhã desta segunda-feira (hora local) de um ato em memória das vítimas do terremoto que há exatamente dez anos matou mais de 6.400 pessoas, na catástrofe mais mortífera do pós-guerra no Japão.

Milhares de pessoas fizeram um minuto de silêncio pelas vítimas da tragédia em uma praça do centro de Kobe, onde foi acesa uma vela para cada um dos mortos de 17 de janeiro de 1995.

O terremoto, de intensidade 7,3 na escala aberta de Richter, devastou Kobe, a quinta cidade do Japão com um milhão e meio de habitantes.

Em 20 segundos, esse grande porto do litoral oeste se tornou uma cidade fantasma, e 6.433 pessoas morreram, a maioria na hora, esmagadas enquanto dormiam.

Meio milhão de casas e imóveis foram destruídos, os trilhos das estradas de ferro foram arrancados, as estações de metrô despencaram e as estradas foram danificadas.

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o terremoto em Kobe
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página