Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
31/12/2005 - 08h01

Veja quais foram os principais fatos que marcaram 2005

Publicidade

da Folha Online

Mortes de líderes políticos e religiosos, catástrofes naturais que mataram milhares de pessoas, a Guerra do Iraque, que completou mil dias e as mudanças no Oriente Médio marcaram o ano de 2005.

Na enquete realizada pela Folha Online, os internautas escolheram como fato mais importante do ano a morte do papa João Paulo 2º, em 2 de abril. A pesquisa ainda está em aberto e você pode votar, clicando aqui.

Veja quais foram os fatos mais importantes deste ano:

29.dez.2005/Efe
Evo Morales
18 de dezembro - O líder cocaleiro Evo Morales, do Movimento ao Socialismo (MAS), é eleito o primeiro presidente indígena da história da Bolívia depois de vencer a eleição presidencial com 53,7% dos votos. No último dia 18, mais de 3,6 milhões de bolivianos tinham direito a voto para escolher presidente, vice-presidente, 157 legisladores e os governadores dos nove departamentos do país andino.

15.dez.2005/AP
Iraquianas votam em Bagdá
15 de dezembro - Cerca de 80% dos 15,5 milhões de iraquianos aptos à votar foram às urnas para escolher o primeiro governo permanente do país após a queda do ex-ditador Saddam Hussein (1979-2003). Resultados preliminares apontam xiitas e curdos como vencedores. Há 1.500 reclamações de fraude contra o pleito, que serão investigadas por uma comissão internacional.

21.nov.2005/AP
Angela Merkel
22 de novembro - A conservadora alemã Angela Merkel, 51, é eleita chanceler pela Câmara de Deputados, tornando-se a primeira mulher a dirigir a Alemanha e a mais jovem chefe de governo na história do maior país da União Européia (UE), após a Segunda Guerra Mundial (1939-1945). Ela substitui o chanceler Gerhard Schröder após uma intensa discussão para formar uma coalizão no Parlamento alemão.

8.nov.2005/AP
Bombeiros apagam incêndio em veículo na cidade de Paris
27 de outubro - A morte acidental de dois jovens que acreditavam estar sendo perseguidos pela polícia em Clichy-sous-Bois (periferia de Paris), desencadeia nos bairros mais pobres da região parisiense episódios de violência urbana durante as noites e madrugadas que vão se estender a todo o país. De 27 de outubro a 17 de novembro passados, mais de 9.000 veículos foram queimados, tendo sido interrogadas 3.000 pessoas; 126 policiais ficaram feridos. Em 8 de novembro último, o governo instaurou o estado de urgência, prorrogado por três meses.

6.dez.2006/Reuters
Saddam Hussein
19 de outubro - Começa o julgamento de Saddam, junto a outros sete de seus colaboradores, pela execução de 143 iraquianos e seqüestro e destruição de propriedades de 399 famílias do vilarejo de Dujail (norte do Iraque) em 1982. O julgamento, adiado várias vezes, deve prosseguir em 24 de janeiro próximo. A pena máxima prevista é o enforcamento.

13.dez.2005/Reuters
Tremor destruiu várias casas
8 de outubro - Um terremoto de 7,6 graus na escala Richter atingiu a região da Caxemira --governada pelo Paquistão e a Índia. Cerca de 80 mil pessoas morreram, outras 77 mil ficaram feridas e 3,5 milhões de pessoas ficaram desabrigadas. O epicentro do tremor foi registrado em Muzaffarabad, a capital da parte da Caxemira administrada pelo Paquistão, que fica 90 quilômetros a nordeste da capital do país, Islamabad.

28.ago.2005/Reuters
Carro submerso na Louisiana
29 de agosto - O furacão Katrina atinge o sul dos Estados Unidos, deixando cerca de mil mortos e prejuízos ao longo da costa do Golfo do México. O Katrina provocou a ruptura dos diques de Nova Orleans (Estado da Louisiana), que teve 80% de sua superfície inundada durante vários dias. Dezenas de milhares de pessoas abandonaram as áreas inundadas ou destruídas. Em 2005, a temporada de furacões foi a mais intensa já registrada no Atlântico.

21.ago.2005/AP
Escavadeira derruba casa em colônia de Gaza
12 de setembro - O governo israelense encerra 38 anos de ocupação no território palestino da faixa de Gaza, com a conclusão da retirada das 21 colônias judaicas da região, processo que levou mais de um mês. Além dessas comunidades, outros quatro assentamentos judaicos da Cisjordânia foram esvaziados e as terras, entregues aos palestinos. A retirada de Gaza foi um plano estabelecido pelo primeiro-ministro Ariel Sharon.

8.jul.2005/Reuters
Ônibus destruído por bomba
7 de julho - Quatro suicidas se explodem em três vagões de metrô e um ônibus de dois andares na cidade de Londres, matando 52 pessoas e ferindo outras 700. O atentado, realizado por jovens de origem árabe, é reivindicado pela Al Qaeda. Duas semanas depois, uma segunda onda de ataque atingem novamente os transportes coletivos londrinos, sem deixar vítimas. No dia 22 de julho passado, a polícia mata o brasileiro Jean Charles de Menezes, 27, por suspeitar que ele realizaria um atentado a bomba no metrô londrino. Em novembro passado, foi aberta uma investigação contra o chefe da polícia londrina, Ian Blair, pela morte do brasileiro.

18.jul.2005/AP
Lei teve amplo apoio
4 de julho - A Espanha aprova o casamento homossexual e a adoção de crianças por esses casais após meses de controvérsia entre políticos e grupos libertários e a direita católica do país. Com a aprovação, os espanhóis se tornaram o terceiro país do mundo a autorizar o casamento homossexual após a Bélgica e a Holanda. É seguida, no dia 20 de julho, pelo Canadá, e, no último dia 5 pelo Reino Unido.

28.mai.2005/AP
Francesa olha cartazes da campanha em Paris
29 de maio - Os franceses rejeitam em referendo a Constituição européia, deflagrando uma grave crise na Europa e desferindo um duro golpe a seus dirigentes, sobretudo ao presidente Jacques Chirac. A França é o primeiro país da UE a rejeitar o tratado constitucional, seguida, em 1º de junho último, pela Holanda. Dois dias depois, Dominique de Villepin, próximo a Chirac, é designado primeiro-ministro da França.

29.set.2005/AP
Tony Blair
5 de maio - O partido trabalhista do primeiro-ministro britânico, Tony Blair, conquista a maioria absoluta nas eleições legislativas britânicas, ganhando um histórico terceiro mandato, o primeiro de um trabalhista. Blair foi o segundo primeiro-ministro ficar durante três mandatos seguidos no cargo chefe de governo britânico. A primeira foi a conservadora Margaret Thatcher (1979-90).

22.mar.2005/Reuters
Príncipe Rainier 3º
6 de abril - Morre o príncipe Rainier 3º aos 81 anos, após mais de 55 anos de reinado. Em de 12 junho passado, seu filho, o príncipe Albert assumiu o Principado de Mônaco. Rainier era casado com a atriz Grace-Patricia Kelly, que morreu em um acidente de carro em 1982. Durante seu reinado, Mônaco teve um grande crescimento econômico, transformando-se em um paraíso fiscal.

4.abr.2005/Reuters
Fiéis fazem última visita ao papa João Paulo 2º
2 de abril - Morre o papa João Paulo 2º aos 84 anos, após 26 anos no comando da Igreja Católica. Ele foi enterrado seis dias depois em uma cripta da basílica de São Pedro, depois de um funeral na presença de líderes religiosos, políticos e de milhares de fiéis. No dia 19 desse mesmo mês, o cardeal Joseph Ratzinger assume o pontificado, tornando-se o 265º papa e o primeiro sumo pontífice alemão em 482 anos, com o nome de Bento 16.

25.mai.2001/Reuters
O ex-premiê Rafik Hariri
14 de fevereiro - O ex-primeiro-ministro libanês Rafik Hariri em um atentado em Beirute, capital do Líbano. Sua morte desencadeia uma violenta reação internacional, que põe à permanência militar da Síria em território libanês, que durou 29 anos. Hariril era um bilionário que conduziu o Líbano por dez anos, após o final da guerra civil que ocorreu entre 1975 e 1991. Desde que deixou o cargo de premiê, em outubro de 2004, era considerado oposição.

8.fev.2005/Reuters
Abbas e Sharon dão as mãos
8 de fevereiro - O primeiro-ministro israelense, Ariel Sharon, e o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, se reúnem na cúpula de Sharm el Sheikh (Egito), a primeira desde 2000, e selam um acordo de paz. Na ocasião, Israel se comprometeu a transferir o controle da segurança de cinco cidades da Cisjordânia aos palestinos, e levar adiante o plano de paz elaborado pelo Quarteto [EUA, ONU, Rússia e UE].

30.jan.2005/Reuters
Soldados iraquianos votam em posto de Bagdá
30 de janeiro - Iraquianos vão às urnas pela primeira vez após a queda do ditador iraquiano Saddam Hussein (1979-2003) para escolher o governo interino que ficaria responsável por redigir uma nova Constituição ao país e promover as eleições para escolha do governo permanente, que assume no próximo ano. A Constituição foi escrita e apesar dos atentados rebeldes e das disputas políticas, o Iraque cumpriu seu calendário político.

14.dez.2005/AP
George W. Bush
20 de janeiro - O presidente americano, George W. Bush, reeleito em novembro de 2004 para mais quatro anos à frente da Presidência americana, toma posse de seu segundo mandato. Bush é o 43º presidente americano. Bush converteu-se ontem no chefe de Estado americano mais votado da história do país, com 59,1 milhões de votos --cerca de 3,5 milhões a mais que seu rival na corrida à Presidência, o democrata John Kerry. A Constituição dos EUA impede que ele concorra a um terceiro mandato em 2008.

Reprodução da Al Jazira
Carteira de mergulhador de engenheiro brasileiro
19 de janeiro - O engenheiro João José de Vasconcellos Júnior, 50, funcionário da construtora Odebrecht foi seqüestrado no Iraque. A ação foi reivindicada pelos grupos Brigadas Mujahidin e Exército de Ansar al Sunna em um vídeo onde a carteira de mergulhador do brasileiro era mostrada. O Brasil e a Odebrecht enviaram missões de ajuda e busca no Iraque. Até hoje, não há informações sobre o paradeiro de Vasconcellos Jr..

Especial
  • Enquete: Qual foi o fato mais marcante de 2005?
  • Veja imagens que marcaram o ano de 2005
  • Leia o que já foi publicado sobre o papa João Paulo 2º
  • Leia o que já foi publicado sobre o furacão Katrina
  • Leia o que já foi publicado sobre o terremoto na Ásia
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Fogão Fogão De diversas marcas a partir de R$ 358,20

    Notebook Notebook Windows 8, LED, Intel" Core a partir de R$ 799,00

    Home Theater | Tênis | Mais...

    Voltar ao topo da página