Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
Conteúdo Gratuito
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
22/09/2012 - 00h01

Crítico Sérgio Rizzo diz que filmes revelam semelhanças entre Índia e Brasil

Publicidade

SÉRGIO RIZZO
ESPECIAL PARA A FOLHA

A Índia é muito diferente do Brasil, mas as crianças de lá se parecem com as daqui: gostam de brincar, têm sonhos e não compreendem direito o comportamento dos adultos. Além disso, são vítimas de injustiças, principalmente se forem pobres.

Festival de cinema infantil traz filmes de Bollywood
Conheça destaques da programação do Fici
Na Índia, vacas, macacos e camelos andam pelas ruas

Tudo isso pode ser observado nos três filmes indianos do Fici. Neles, quase tudo é distante da realidade brasileira --paisagem, costumes, idioma. Mas, ao mesmo tempo, é gostoso perceber que a infância fala uma língua universal.

O que chama a atenção em "Keshu", "Meu Nome é Kalam" e "O Circo" (o mais bem produzido) é a importância que dão aos estudos.

Para os personagens, ir à escola representa a oportunidade de mudar de vida. Em "O Circo", a mãe de duas crianças não quer que sejam criadoras de cabras, como o pai. Vê a escola como a chance de um futuro melhor.

Nessa história, estamos em período de eleições e políticos fazem discursos demagógicos, que enganam a população. Viu como Brasil e Índia têm muitas semelhanças?

Divulgação
Para a Folhinha de 22/09 Crédito: Divulgação Legenda: Imagem do filme "Meu Nome é Kalam" ***DIREITOS RESERVADOS. NÃO PUBLICAR SEM AUTORIZAÇÃO DO DETENTOR DOS DIREITOS AUTORAIS E DE IMAGEM***
Imagem do filme "Meu Nome é Kalam", sobre menino pobre que é amigo de um príncipe
 

Publicidade

As Últimas que Você não Leu

  1.  

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Ford Fiesta Ford Fiesta Confira aqui! A partir de R$ 15.749

Notebook Notebook LED, HDMI e USB, a partir de 14x de R$ 62,23

Home Theater | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página