São Paulo, sexta-feira, 21 de abril de 2000


Envie esta notícia por e-mail para
assinantes do UOL ou da Folha
Texto Anterior | Próximo Texto | Índice

PARALISAÇÃO
Plantão de dúvidas não funciona
Greve na Receita não deve atrapalhar IR

da Sucursal de Brasília

A paralisação dos auditores fiscais da Receita Federal, marcada para a próxima semana, não deve causar problemas aos contribuintes que deixaram para entregar a declaração do Imposto de Renda na última hora.
O único serviço que não deverá ser prestado por causa da paralisação é o plantão de atendimento, para tirar dúvidas do contribuinte, que normalmente funciona nas repartições.
Ontem, os auditores fiscais decidiram cruzar os braços durante 72 horas, entre terça e quinta-feira. Será a sexta paralisação desde o mês passado. O prazo para declaração do IR termina na sexta-feira, 28.
A paralisação não afeta a entrega das declarações por dois motivos. A maior parte da declarações, cerca de 60%, é feita pela Internet. Bancos e agências dos Correios, também responsáveis pelo recebimento das declarações, funcionam normalmente.
A pequena parcela de contribuintes que entrega a declaração diretamente na Receita Federal também não será prejudicada. Isso porque o atendimento nas repartições não é feito por auditores fiscais, mas sim por técnicos do Fisco, que não aderiram à greve.



Texto Anterior: Crescimento: Produção industrial argentina cresce 8,7%
Próximo Texto: Polêmica - Rudi Dornbusch: Stiglitz versus FMI: mais uma opinião
Índice


Copyright Empresa Folha da Manhã S/A. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Agência Folha.