Saltar para o conteúdo principal Saltar para o menu
 
 

Lista de textos do jornal de hoje Navegue por editoria

Esporte

  • Tamanho da Letra  
  • Comunicar Erros  
  • Imprimir  

  2014

Por usar jogador irregular, Cabo Verde é banido de eliminatória

DE SÃO PAULO - A comissão disciplinar da Fifa eliminou Cabo Verde da eliminatória africana para o Mundial de 2014 por usar um jogador irregular diante da Tunísia, no sábado.

Cabo Verde venceu por 2 a 0, mas os três pontos foram transferidos para a Tunísia por causa da escalação do zagueiro Varela, suspenso do confronto.

O jogador deveria ter cumprido o terceiro jogo de suspensão por conduta antidesportiva, como pena pela expulsão contra a Guiné Equatorial.

A Fifa ainda multou em R$ 14 mil a federação de Cabo Verde, que ontem apresentou recurso. A entidade alega que Varela foi expulso em partida já anulada pela Fifa e, por isso, a pena teria perdido o efeito.

"A FCF está confiante de que irá prevalecer o seu argumento e que as regras do jogo, em especial os regulamentos da Fifa, que devem ser cumpridos", disse a federação em comunicado.

O duelo com a Guiné Equatorial, em 24 de março, foi anulado porque a seleção utilizou um jogador suspenso.

Caso a Fifa mantenha a decisão, a Tunísia ficará com a vaga de Cabo Verde no mata-mata que definirá os representantes africanos na Copa do Mundo.

O sorteio dos confrontos entre seleções africanas ocorrerá no próximo dia 16. O continente é o único que ainda não definiu qualquer representante.

Já são dez os países classificados para o Mundial-2014, entre eles EUA, Holanda e Itália.


Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Fogão Fogão De diversas marcas a partir de R$ 358,20

Notebook Notebook Windows 8, LED, Intel" Core a partir de R$ 799,00

Home Theater | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página