Saltar para o conteúdo principal Saltar para o menu
 
 

Lista de textos do jornal de hoje Navegue por editoria

Mundo

  • Tamanho da Letra  
  • Comunicar Erros  
  • Imprimir  

França investe em tomada de reduto islamita

DO ENVIADO A SOMADOUGOU (MALI)

França e aliados africanos iniciaram uma operação de grande escala para a tomada de Gao, um dos principais bastiões controlados por grupos rebeldes islâmicos no norte do Mali.

Situada a 1.200 km da capital, Bamaco, Gao é um dos objetivos estratégicos da guerra. A cidade é reduto dos combatentes do Ansar al Din, uma das franquias da Al Qaeda que dominam o norte do país.

Ontem à noite, militares malineses disseram que a cidade será tomada em 48 horas. A ofensiva começou com um ataque aéreo na noite de anteontem a vilas menores ao sul de Gao.

Em Somadougou (a 620 km de Bamaco), a Folha presenciou a passagem de um grande comboio de blindados e caminhões com soldados franceses rumo ao norte do país.

A ofensiva prepara um ataque a partir de duas frentes. Uma grande coluna terrestre já começou a se deslocar de Sévaré, no centro, para as proximidades de Gao. Militares malineses disseram à Folha que as tropas já estão concentradas em Hombori.

A outra frente deverá percorrer o sentido sul-norte, a partir da fronteira do Níger. Essa coluna é formada principalmente por soldados do Chade e Nigéria.

Os soldados do Chade são considerados por especialistas como os melhores soldados do oeste da África por serem bem treinados e com experiência de combate na região.

Os bombardeios às cidades do sul do Gao visam limpar o terreno para esta segunda coluna avançar.


Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Geladeiras Geladeiras Frost Free, Duplex, a partir de R$ 862,20

Notebook Notebook Trabalhe, estude, jogue, a partir de R$ 769,00

Celulares | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página