Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
26/08/2010 - 10h31

Autor diz que não escreveu palavrões ditos em "Passione"

Publicidade

DE SÃO PAULO

O autor Silvio de Abreu diz que não escreveu palavrões ditos por um traficante ao personagem Danilo, vivido por Cauã Reymond, em "Passione", da Globo.

"Relaxa, porra! Eu tenho uma parada foda!", disse o traficante. Na semana seguinte, lá está Danilo esbravejando: "Merda! Merda!".

A informação é da coluna Outro Canal, assinada por Audrey Furlaneto e publicada na Folha desta quarta-feira (25). A íntegra da coluna está disponível para assinantes do jornal e do UOL.

Segundo Silvio de Abreu, ele assiste à novela todos os dias e não ouviu o "foda" no ar, mas diz que pode se tratar de um "caco" --palavra inserida pelo ator em cena.

"Os 'merdas', sim, fazem parte do texto. [Merda] Já é uma palavra incorporada ao vocabulário e se ouve muito na televisão", afirma.

"Porra", "foda" e "merda" são, segundo o Manual de Classificação do Ministério da Justiça, "linguagem chula, de baixo calão ou palavrões" e estão classificados como "não recomendados para menores de 12 anos", a indicação atual de "Passione".

Alex Carvalho/TV Globo
O ator Cauã Reymond, que faz o personagem Danilo na novela "Passione", da Globo
O ator Cauã Reymond, que faz o personagem Danilo na novela "Passione", da Globo
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Geladeiras Geladeiras Frost Free, Duplex, a partir de R$ 862,20

TV TV LED, 3D, FULL HD e Smart a partir de R$ 399,90

Home Theater | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página