Saltar para o conteúdo principal Saltar para o menu

"Plantar tomate hoje é uma maravilha", brinca Graça em palestra

Publicidade

A presidente da Petrobras, Graça Foster, fez menção à alta de preços do tomate, um dos alimentos que teve mais impacto na inflação do país, ao se referir à dificuldade de formação de mão de obra técnica no Brasil em um programa desenvolvido para auxiliar fornecedores da companhia.

Ao ser questionada em palestra na FGV, em São Paulo, se o baixo nível educacional do país poderia limitar o crescimento da empresa, Foster respondeu que a Petrobras desenvolve o programa de mobilização da indústria nacional de petróleo e gás, destinado à formação de técnicos.

Supermercados reduzem preço do tomate em São Paulo
Empregado doméstico e tomate puxam alta da inflação

"Formamos técnicos. São pessoas de nível médio que saíram da lavoura, plantavam tomate. Se bem que plantar tomate hoje é uma maravilha", disse. A fruta, cujos preços subiram muito nas últimas semanas, foi considerada um dos símbolos da pressão do grupo alimentos sobre a inflação.

Depois de arrancar risos dos alunos, prosseguiu : "Plantavam outros vegetais também e se formaram [para trabalhar] como soldadores".

A dificuldade de obter mão de obra preparada, entretanto, não afeta a companhia, segundo ela, porque a Petrobras tem "o privilegio de ter em seus quadros grandes talentos que participam de concursos públicos".

A executiva reforçou ainda que é uma "doce" dificuldade que o país enfrenta. "Estamos passando por momento de difícil formação de pessoal, mas é uma doce dificuldade porque significa que o país cresce."

Livraria da Folha

Publicidade
Publicidade

Siga a folha

Envie sua notícia

Publicidade cosac
Publicidade

+ Livraria

Livraria da Folha

Publicidade
Publicidade

Folha Shop

TV Smart TV Smart HDMI, LED, Full HD a partir de R$ 999,99

Refrigerador Refrigerador Side By Side, Duplex, Frost Free a partir de R$ 849,00

Home Theater | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página