Saltar para o conteúdo principal Saltar para o menu

Real cai, mas Big Mac no Brasil ainda é um dos mais caros no mundo

Publicidade

Apesar da valorização de 11% do dólar ante o real neste ano, o Big Mac brasileiro continua entre os mais caros do mundo segundo levantamento da revista "The Economist".

Em dólar, o Big Mac custa US$ 5,28, mais caro que nos EUA, onde sai por US$ 4,56, o que indicaria que a moeda brasileira está mais valorizada do que a norte-americana.

Entre os 57 países analisados, o Brasil tem o quinto Big Mac mais caro -Noruega e Venezuela lideram.

Para conter a queda do real, o BC decidiu ontem tirar as exigências para que empresas baseadas no Brasil captem recursos no exterior com companhias do mesmo grupo empresarial.

Livraria da Folha

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Siga a folha

Envie sua notícia

Publicidade Política e Poder
Publicidade

+ Livraria

Livraria da Folha

Maonomics
Loretta Napoleoni
De:
Por:
Comprar
A Ordem do Progresso
Marcelo Abreu
De:
Por:
Comprar
Economia Nua e Crua
Charles Wheelan
De:
Por:
Comprar
A Linguagem Corporal dos Líderes
Carol Kinsey Goman
De:
Por:
Comprar
Publicidade
Publicidade

Folha Shop

Geladeiras Geladeiras Frost Free, Duplex, a partir de R$ 862,20

Notebook Notebook Trabalhe, estude, jogue, a partir de R$ 769,00

Celulares | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página