Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
15/07/2011 - 13h16

P&G retira da China 35 mil enxaguantes bucais feitos na Colômbia

Publicidade

DA EFE, EM PEQUIM

A multinacional Procter & Gamble (P&G), a maior fabricante do mundo de produtos para o lar e higiene pessoal, começou a retirar do mercado chinês 35.892 enxaguantes buscais Oral-B produzidos na Colômbia após detectar agentes microbianos no produto, informou nesta sexta-feira a agência oficial "Xinhua".

Os produtos correspondem a um lote com vencimento em 30 de junho de 2014, detalharam fontes sanitárias do Governo chinês.

A medida disposta pela P&G inclui os enxaguantes bucais Oral-B sem álcool de 350 mililitros e 500 mililitros.

Os níveis de contaminação nos produtos não representam um risco para os consumidores em geral, mas poderiam ter efeitos nocivos em pacientes com problemas imunológicos graves, disse a filial chinesa da companhia em um comunicado em seu site.

A companhia também está retirando dos mercados enxaguantes bucais de países como Estados Unidos, Canadá, Colômbia, Chile e México.

A P&G tem mais de 127 mil empregados em 180 países.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página