Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
31/12/2012 - 12h41

Luciana Saddi: Perdemos a substância

Publicidade

DE SÃO PAULO

A vida humana tem perdido sua substância. Em primeiro lugar, a substância afetiva, depois a racional e, talvez em breve, a própria vivência da substância material, a credibilidade dos fatos e das coisas. A opinião é da psicanalista e blogueira da Folha.com Luciana Saddi.

Segundo a especialista, isso ocorre em função do enfraquecimento do contato do homem com a natureza e do desenvolvimento tecnológico e científico da modernidade.

"A perda de substância do mundo e do homem levou-nos a funcionar sobre as mesmas regras que regem os atentados: aliar o máximo de potência ao mínimo de alvo. E assim coagular os atos", diz Luciana no áudio abaixo.

Ouça

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Ford Fiesta Ford Fiesta Confira aqui! A partir de R$ 15.749

Notebook Notebook LED, HDMI e USB, a partir de 14x de R$ 62,23

Home Theater | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página