Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
11/08/2010 - 08h16

Quadrilhas monitoram perfis no Twitter e detectam oportunidades para roubar residências

Publicidade

DE SÃO PAULO

As polícias de pelo menos três países (Estados Unidos, Holanda e México) já tiveram de lidar com quadrilhas especializadas em monitorar perfis no Twitter e detectar oportunidades para roubar residências.

O assunto é destaque da coluna Redemoinho do caderno Tec da Folha. De acordo com Alec Duarte, o uso de geolocalizadores facilita ainda mais a tarefa dos criminosos. "Fica muito fácil saber onde a pessoa está. A casa dela passa a ser absolutamente identificável", ressalta Duarte.

Alec Duarte

A coluna também traz a discussão sobre a produtividade das pessoas que utilizam redes sociais durante o trabalho. Trabalhos acadêmicos que envolvem estudo de comportamento revelam que profissionais ligados às redes sociais apenas para atender a demandas pessoais são muito mais lentos e colhem menos resultados que os meramente off-line.

Na outra ponta, profissionais ligados nas redes sociais ficam mais atentos ao que opinam e protestam seus clientes. "O que vai diferenciar é o foco que a gente dá", afirma o colunista.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página