Saltar para o conteúdo principal Saltar para o menu

Mujica se opõe a maconha e aborto, mas prefere legalizá-los

Publicidade

O presidente do Uruguai, José Mujica, disse em entrevista que se opõe ao consumo de maconha e à prática do aborto, mas que prefere legalizá-los para que não cresçam e causem mais prejuízos à população.

A maconha é "uma praga", mas o narcotráfico é "muito pior", disse o líder em referência a seu projeto de lei para legalizar o consumo e a venda de cannabis, cedendo o controle do setor ao Estado.

Sobre o aborto, Mujica disse que "acontece algo parecido". Contra esse fenômeno "estamos todos", mas "por impedimentos sociais, problemas econômicos ou outros" abortos continuam sendo realizado "nas sombras".

Veja vídeo

Assista ao vídeo em dispositivos móveis

Livraria da Folha

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Envie sua notícia

Siga a folha

Publicidade kibrick

Livraria da Folha

Publicidade
Publicidade

Folha Shop

Fogão Fogão De diversas marcas a partir de R$ 358,20

Notebook Notebook Windows 8, LED, Intel" Core a partir de R$ 799,00

Home Theater | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página