DE SÃO PAULO

O presidente americano Donald Trump e o ditador norte-coreano Kim Jong-un voltaram a trocar insultos neste início de ano sobre o potencial nuclear dos países.

A atual briga começou na segunda (1º) quando Kim disse que sempre tem um botão em sua mesa que pode autorizar o disparo de mísseis nucleares contra os Estados Unidos —afirmando que que o usaria apenas se fosse provocado antes.

Na terça-feira (2), o americano retrucou. "Também tenho um botão nuclear, mas é muito maior e mais poderoso que o dele, e o meu funciona!" disse Trump.

Por isso, a Folha fez uma comparação do poderio nuclear de Washington e Pyongyang, para mostrar qual o tamanho do arsenal que cada um dos líderes tem.

Crédito: Editoria de Arte/Folhapress MEU BOTÃO É MAIOR QUE O SEUArsenais atômicos dos países,em número estimado de ogivas
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.