Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
03/03/2011 - 11h23

TSE mantém condenações contra governador do Piauí

Publicidade

DE SÃO PAULO

O ministro Arnaldo Versiani, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), manteve multa aplicada ao governador do Piauí, Wilson Martins (PSB), e ao diretório estadual da agremiação por propaganda eleitoral antecipada no pleito no ano passado.

O governador e o partido foram condenados a pagar, cada um, multa no valor de R$ 12.500 por inserções veiculadas em TV.

Segundo o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Piauí, o PSB exibiu, em espaço reservado à veiculação de propaganda partidária, inserções com mensagens enaltecedoras da história de vida do então pré-candidato a governador, com objetivo de persuadir o eleitor sobre sua capacidade e aptidão para o novo cargo.

ENTREVISTA

O ministro Marcelo Ribeiro, por sua vez, negou recurso apresentado por Martins contra decisão que o condenou ao pagamento de multa de R$ 5.000 por realizar propaganda eleitoral antecipada durante entrevista.

Segundo decisão do TRE-PI, que acolheu pedido do PSDB, o então pré-candidato concedeu entrevista de cunho eleitoral a programa da TV Meio Norte.

Ribeiro afastou as alegações de Martins ao afirmar que ele fez, na entrevista, um apelo explícito ao eleitorado com objetivo de obter votos nas eleições de 2010.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página