Publicidade
Publicidade
Publicidade

Sensor de segurança também evita gasto de energia

A tecnologia dos equipamentos de segurança eletrônica pode ir além da proteção pessoal. Já existem no mercado sensores que não só detectam movimentos suspeitos como ajudam a evitar o desperdício de energia elétrica.

A Honeywell, de soluções de tecnologia, vende sensor de alarme que também acende ou apaga as luzes e regula a temperatura de acordo com o movimento detectado.

Segundo Ernesto Ghini, diretor de controle de meio ambiente e energia, a economia de energia em prédios comerciais pode chegar a 25%. "Em edifícios com sistema de ar-condicionado, a redução é ainda maior", afirma Ghini.

A Schneider Eletric é outra que oferece automação predial com gerenciamento de energia. "O ar-condicionado é o grande vilão", diz Paulo Henrique de Souza, gerente de negócios ecobuilding.

Por meio de um software, a empresa consegue otimizar o uso do ar-condicionado de acordo com o fluxo de pessoas em locais como shoppings e supermercados.

Em áreas de piscina, utilizando os dados de controle de acesso ao local, o software aumenta ou diminui a velocidade da bomba de cloro, reduzindo o consumo de eletricidade e aumentando a vida útil do aparelho.

Segundo as empresas, adquirir as soluções de eficiência energética em conjunto com as de segurança encarece o pacote em cerca de 20%. O preço varia conforme o tamanho do local e as especificidades do projeto.

Mario Leite Pereira Filho, engenheiro do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas), diz que os benefícios fazem o investimento valer a pena.

Segundo ele, a tendência é que o número de construções que usem essas tecnologias aumente no país.

Para o engenheiro, na hora de contratar o serviço, é preciso checar se a empresa faz uma integração eficiente entre os diferentes sistemas.

Também com foco na sustentabilidade, há empresas de segurança digital que oferecem produtos que funcionam com energia solar. De acordo com Marco Aurélio Lima Santos, da AD do Brasil, a energia gerada pelos painéis pode ser usada para outros aparelhos da casa, o que economiza eletricidade.

ÁGUA E GÁS

Além de sensores que auxiliam na segurança, há equipamentos específicos para evitar o vazamento de água e de gás. A Yamatec, empresa de equipamentos eletrônicos que detecta esse problema, desenvolveu um sensor de uso simples que encontra vazamentos em tubulações.

Para utilizar o aparelho, não é preciso ter experiência. Como o vazamento gera vibração, é possível identificar onde ele está apenas encostando o sensor no encanamento, até chegar ao local exato, explica Fabiano Yamasaki, diretor-executivo da Yamatec. A versão mais barata do equipamento sai por R$ 999.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
DFP -->