Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
20/07/2010 - 17h43

Microsoft e Warner Bros. testam padrão universal para formato de filmes

Publicidade

DE SÃO PAULO

Um grupo de companhias de mídia e eletrônicos vai começar a testar em breve um sistema que vai fazer o usuário assistir os filmes comprados em qualquer lugar que estiver, sem importar o formato ou outras barreiras tecnológicas. A conta seguiria o usuário, sem importar qual a marca de máquina que ele use.

O grupo também revelou um nome para o padrão aberto que está sendo criado, revelado nesta terça-feira: Ultraviolet.

O padrão Ultraviolet têm estúdios de filmes e companhias de tecnologia por trás, como Warner Bros. e Microsoft, respectivamente, e representa um desafio para formatos proprietários da Apple e outras marcas. Esses formatos restringem os compradores de conteúdo de vídeo a limitados números de dispositivos, como o iPad ou a Apple TV.

Patrocinadores do Digital Entertainment Content Ecosystem (consórcio de estúdios de Hollywood e fabricantes de tecnologia) esperam incentivar o crescimento das compras de filmes digitais, que agora representam apenas 4% de todas as vendas, pela libertação dos consumidores de formatos vigentes.

O conglomerado de companhias inclui também a fabricante Toshiba, a varejista Best Buy e a empresa de locação e venda de filmes on-line Net Flix. Ficou de fora, além da Apple, a Walt Disney Co., que tem formato próprio de sistema.

COM ASSOCIATED PRESS

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página