Na reunião do clima da ONU, Greta Thunberg encara Donald Trump

Sueca é símbolo da luta contra as mudanças climáticas, e presidente já questionou aquecimento global

Nova York | AFP

O presidente dos EUA, Donald Trump, e a ativista sueca Greta Thunberg, 16, estiveram no mesmo recinto nesta segunda-feira (23) por alguns minutos. A imagem de Thunberg encarando Trump fez sucesso nas redes sociais.

Greta Thunberg é símbolo da juventude global que exige ação urgente contra a mudança climática, enquanto Donald Trump expressou repetidamente dúvidas a respeito do consenso científico sobre as causas do aquecimento global provocadas pelo homem, chegou a dizer que o fenômeno foi inventado pelos chineses e retirou os Estados Unidos do Acordo Internacional de Paris para reduzir a produção de gases de efeito estufa.

Greta Thunberg encara Donald Trump enquanto ele passa pela cúpula do clima da ONU
Greta Thunberg encara Donald Trump enquanto ele passa pela cúpula do clima da ONU - REUTERS

A aparição do presidente americano foi uma surpresa. Ele participaria de uma conferência separada sobre liberdade religiosa, mas passou primeiro pelo plenário da cúpula climática, onde ficou apenas alguns minutos. 

Dezenas de líderes mundiais estavam discutindo medidas para tentar desacelerar tendências cada vez mais perigosas nas mudanças climáticas.

O democrata Julían Castro, do Texas, publicou o vídeo do encontro no Twitter com a legenda: "Acho que muitos de nós conseguem se identificar". 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.