Siga a folha

JBS realiza oferta de US$ 1 bi em títulos atrelados à sustentabilidade

Emissão foi realizada no mesmo dia em que agência elevou classificação de risco da companhia para grau de investimento

Você atingiu seu limite de matérias livres

Assine e tenha acesso Ilimitado

– OFERTA ESPECIAL – 6 MESES DE DESCONTO –

Cancele quando quiser

R$ 1,90 no primeiro mês

+ 5 de R$ 29,90 R$ 9,90

Notícias no momento em que acontecem, newsletters exclusivas e mais de 120 colunistas. Apoie o jornalismo profissional.

São Paulo | Reuters

A companhia de alimentos JBS anunciou nesta terça-feira (8) que emitiu e precificou uma oferta de US$ 1 bilhão no mercado internacional em títulos ligados à sustentabilidade, que estão atrelados ao compromisso de redução de emissões de gases de efeito estufa pela empresa.

Segundo comunicado ao mercado, as chamadas "Sustainability-Linked Unsecured Senior Notes" foram emitidas pelo valor de face de US$ 98,913, com yield de 3,75% ao ano, cupom de 3,625% ao ano e vencimento em 2032.

A emissão foi realizada no mesmo dia em que a agência Fitch Ratings elevou a classificação de risco da companhia brasileira de carnes para grau de investimento.

Unidade da JBS em Jundiaí, SP - Paulo Whitaker - 1º.jun.2017/Reuters/File Photo

As notas sêniores serão garantidas pela JBS, que pretende utilizar os recursos para estender o prazo médio de dívidas, refinanciando compromissos de vencimentos mais curtos, além de cobrir outros propósitos corporativos gerais, conforme antecipado mais cedo nesta terça pela companhia.

"(A estrutura do título) está em linha com a estratégia de sustentabilidade da companhia, traçada pelo Compromisso Net Zero 2040", disse a JBS.

Segundo uma fonte próxima da transação, a oferta inicial era de US$ 500 milhões, mas o "booking" foi de dez vezes esse valor e, por isso, o montante da emissão dobrou.

A agência ISS ESG foi responsável pela opinião independente na operação. O sindicato de coordenadores da emissão conta com Santander, Barclays, Bradesco BBI, BTG Pactual, Mizuho e XP.

Receba notícias da Folha

Cadastre-se e escolha quais newsletters gostaria de receber

Ativar newsletters

Relacionadas