'R$ 380 mil aqui?', pergunta gerente de gráfica onde PSL afirma ter gasto esse valor

Partido de Bolsonaro criou candidata laranja para usar verba pública nas últimas eleições

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados Você atingiu o limite de
por mês.

Tenha acesso ilimitado: Assine ou Já é assinante? Faça login

Joana Suarez
Recife

A Gráfica Itapissu aparece nas prestações de contas entregues ao TSE como fornecedora de campanha de 14 candidatos, em um total declarado de R$ 1,5 milhão. A principal concorrente que teria recorrido aos serviços da empresa é Maria de Lourdes Paixão, com R$ 380 mil.

A então candidata a deputada federal, que é secretária do PSL, recebeu a terceira maior quantia do país de dinheiro público, do PSL, quatro dias antes da eleição –R$ 400 mil, tendo declarado a aplicação de 95% desse dinheiro na gráfica, em transferências bancária no próprio dia 3 e no dia 11 de outubro, quatro dias após ter recebido apenas 274 votos no estado.

Após a Folha procurar a gráfica nos endereços informados nas notas fiscais e na Receita Federal, uma pessoa que se identificou como Paulo ligou para a reportagem e disse ser funcionário da gráfica.

Apoiadores do então candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) fazem caminhada em apoio a sua recuperação após facada - 09.set.2018/Pedro Ladeira/Folhapress

Ele demonstrou espanto com o valor, em uma primeira ligação: "Trezentos e oitenta mil reais aqui? Eu acho que não viu, minha filha. Eu acho que você pegou informação errada, 380 mil reais?"

Ele não quis dar o nome completo. Em contratos da Itapissu, aparece o nome de Paulo Henrique Vasconcelos como gerente. Ele também não quis passar o contato da pessoa que figura como dona da empresa, Juliane Mirella de Carvalho. A Folha não conseguiu localizá-la.

 

Paulo, a gráfica da Juliane consta na prestação de contas da candidata Maria de Lourdes - Maria o quê?

Maria de Lourdes. Vocês imprimiram material para a campanha dela nas eleições? - Rapaz, só verificando. A gente imprime o de tanta gente assim. Pelo nome, assim, fica difícil. Agora, eu posso tentar achar o arquivo e mandar para você.

O que consta na prestação de contas dela é que ela gastou R$ 380 mil na gráfica da Juliane - Trezentos e oitenta mil reais aqui? Eu acho que não viu, minha filha. Eu acho que você pegou informação errada, 380 mil reais? Eu vou verificar isso direitinho. Maria de Lourdes de quê?

Maria de Lourdes Paixão. O material foi de 1,5 milhão de 'praguinhas' adesivos no dia 3 de outubro, 9 milhões de santinhos…- Mas, R$ 380 mil, rapaz, eu preciso verificar isso. Me diz que mais direitinho o que tem ai na nota? Vou verificar amanhã de manhã.

Só você e Juliane que trabalham na gráfica? - Não, a gente tem um equipamento grande, a gente terceirizava com pessoas grandes.

Quem mais gastou na gráfica, nas eleições, foi a Maria de Lourdes - Minha filha, a gente fez tanta coisa pra tanta gente... Eu resolvo isso para você, amanhã eu lhe passo porque hoje é feriado dos gráficos [7 de fevereiro].

Ela gastou todo esse dinheiro com vocês nas vésperas das eleições, e a gente queria entender como se deu isso? Veja só, a empresa aqui é séria e idônea. Vou ver se foi feito realmente isso e te passo. Aqui não entra nada se a pessoa não pagar direitinho e só roda o que foi combinado, com comprovante de entrega, de produção do material, não tem problema nenhum, não, viu.

Onde a gráfica funciona atualmente? - Na avenida Santos Dumont, 345.

Mas os vizinhos nunca viram vocês lá - A gente se mudou agora há pouco tempo.

E antes funcionavam onde? - Na Estrada Velha de Água Fria.

Eu estive lá nesse endereço e lá funciona uma oficina Martelinho de Ouro há quase um ano - Não, a gente funcionava em Água Fria e depois foi pra Santos Dumont, porque a empresa teve dificuldades financeiras, vendeu os equipamentos todos.

Eu estou trabalhando com pasta de baixo do braço, dona Juliane com a outra e tem uma menina lá, mas hoje é feriado dos gráficos. A gente pode conversar amanhã, pode?

[[[ligação no dia seguinte]]]

Oi Paulo, você já tem um retorno? - Eu verifiquei no sistema direitinho e foi tudo feito e tudo entregue, todos os materiais, as praguinhas, adesivos, tudo.

E onde vocês imprimiram esse material? Onde a gráfica funcionava nessa época? - Lá em Água Fria.

Mas lá é uma oficina [de carros] desde março de 2018…- Mas a gente rodou todo o material lá, inclusive com parceiros também. As gráficas utilizam de outros parceiros para rodar também. Se eu não tenho um equipamento para um serviço, aí roda com outra pessoa.

Quais são esses parceiros? - Olha, eu vou ter que dar uma saída agora porque mandaram me chamar aqui.

Mas preciso que você me explique isso...- Está muito ruim a ligação, estou sendo atendido no médico e mandaram me chamar aqui. Depois a gente se fala.

Relacionadas