Descrição de chapéu Há 50 anos

1969: Presidente do Paquistão renuncia depois de ficar 10 anos no poder

São Paulo

Depois de governar com mão de ferro o Paquistão por cerca de 10 anos, o presidente Mohammad Ayub Khan renunciou ao cargo nesta terça-feira (25). Ele foi substituído pelo comandante do Exército, Yahya Khanj.

Os violentos distúrbios nas ruas, as sucessivas manifestações estudantis, as exigências dos políticos para retornar a democracia representativa e a situação de anarquia no Paquistão Oriental (hoje Bangladesh) fizeram com que Ayub deixasse o posto.

Imediatamente após assumir o governo, o novo presidente decretou estado de sítio e deslocou tropas para as principais cidades do país.

Primeira Página da Folha de 26 de março de 1969
Primeira Página da Folha de 26 de março de 1969 - Reprodução

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.