1969: Se a população colaborar, não haverá racionamento, diz Hilário Torloni

São Paulo

Nesta sexta-feira (6), Hilário Torloni, governador em exercício do estado de São Paulo, disse que talvez não seja necessário o racionamento de água, nem o de energia elétrica para as indústrias, se a população continuar colaborando com as autoridades.

Torloni também afirmou que, se as comunicações sobre vazamentos de água forem feitos com urgência, como tem ocorrido, não será necessária medida drástica.

Na terça (3), o governador havia afirmado que o governo poderia decretar o racionamento de água e energia elétrica em São Paulo devido ao baixo volume das represas de Guarapiranga e Billings.

Primeira página da Folha de S.Paulo de 7 de junho de 1969
Primeira página da Folha de S.Paulo de 7 de junho de 1969 - Folhapress

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.