Descrição de chapéu Há 50 anos

1969: Oncologista diz que vírus isolado é um avanço, mas não vitória contra o câncer

São Paulo

O oncologista Georges Mathé, diretor do Instituto de Cancerologia de Villejuif, na França, disse nesta sexta (5) que o isolamento do vírus do câncer humano constitui “grande esperança terapêutica, mas não uma vitória contra a doença”.

A equipe que isolou o vírus é formada por cinco pesquisadores norte-americanos do Instituto Nacional do Câncer de ​Bethesda, em Maryland.

O cientista Frederick Eilber, um dos professores que integram o instituto americano, disse que o que sabemos até agora é que “o agente isolado em células cancerosas humanas transmite o câncer a células sadias, um fato que até agora não havia sido provado”.

Primeira página da Folha de S.Paulo de 6 de dezembro de 1969
Primeira página da Folha de S.Paulo de 6 de dezembro de 1969 - Folhapress
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.