Descrição de chapéu Há 50 anos

1970: Médici defende ministro e vê exploração em fala sobre Cuba

São Paulo

O presidente Emílio Garrastazu Médici manifestou apoio ao ministro da Educação, Jarbas Passarinho, que foi criticado por alguns setores por defender um esforço no ensino semelhante ao feito por Cuba.

O ministro tinha citado que aquele país levou muita gente do campo às universidades, obrigando vendedores de cana a se alfabetizar, e que o Brasil poderia fazer algo parecido, mas no regime daqui.

Segundo Médici, as palavras de Passarinho foram "glosadas e se transformaram em objeto de exploração". "Às vezes pinçam certas frases de um discurso que não correspondem ao pensamento que se desejou exprimir", disse.

Primeira Página da Folha de 29 de janeiro de 1970
Primeira Página da Folha de 29 de janeiro de 1970 - Reprodução

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.