Descrição de chapéu Há 50 anos

1970: Sequestradores anunciam morte do ex-presidente argentino Aramburu

São Paulo

Os guerrilheiros que sequestraram o ex-presidente argentino Pedro Eugenio Aramburu anunciaram, em cartas enviadas para jornais de Rosário e de Buenos Aires, que mataram o militar.

O documento recebido pela imprensa tem como data o dia 1º de junho e traz a mensagem: “Às 7h, Aramburu foi executado. Que Deus tenha piedade de sua alma”.

Em comunicado anterior, os guerrilheiros tinham divulgado que iriam fuzilá-lo, conforme decisão de um “tribunal revolucionário”.

Aramburu, que participou da queda de Juan Domingo Perón do poder, comandou o país entre 1955 e 1958.

Primeira Página da Folha de 3 de junho de 1970
Primeira Página da Folha de 3 de junho de 1970 - Reprodução

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.