Descrição de chapéu Há 50 anos

1970: Morre o escritor japonês Yukio Mishima aos 45 anos em Tóquio

São Paulo

O escritor Yukio Mishima, brilhante novelista japonês, de 45 anos, suicidou-se nesta quarta-feira (25), em Tóquio.

A ação ocorreu após ele ter feito discurso para 2.000 soldados em uma instalação das Forças Armadas. O escritor, que militava em uma organização de extrema direita, disse que colocaria fim à vida como protesto contra a Constituição, que estaria impedindo o rearmamento do Japão.

Mishima cometeu o haraquiri, cravando a espada no próprio abdômen. Em seguida, um dos seus adeptos cortou-lhe a cabeça.

Ele é autor de obras como “Confissões de uma Máscara” e “O Pavilhão Dourado”.

Primeira Página da Folha de 26 de novembro de 1970
Primeira Página da Folha de 26 de novembro de 1970 - Reprodução

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.