Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
20/10/2011 - 20h55

Após 40 anos e 800 mortes, ETA anuncia seu fim definitivo; veja vídeo

DA BBC BRASIL

O grupo separatista basco ETA anunciou nesta quinta-feira o fim de sua campanha armada.

Em um comunicado obtido pela BBC, o ETA disse que "era o início de uma nova era política" no País Basco.

Veja vídeo

"Enfrentamos uma oportunidade história para obter uma solução justa e democrática para esse antigo conflito político".

Se realmente entrar em vigor, a decisão vai colocar um fim à violência do grupo, que já dura 40 anos e que matou mais de 800 pessoas.

Segundo analistas, o governo deve reagir com cautela e reiterar os apelos para que o ETA se desarme e se dissolva.

Nos últimos anos, ofensivas do governo e a cooperação entre Espanha e França vinham enfraquecendo o grupo.

A decisão do ETA vem à tona pouco após uma conferência internacional sobre o separatismo basco, realizada na segunda-feira no norte da Espanha. Participaram do encontro diversos líderes mundiais, que pediram que o grupo abandonasse as armas.

Entre os participantes estavam o ex-secretário-geral da ONU Kofi Annan e protagonistas do cessar-fogo da Irlanda do Norte.

O ETA declarou um cessar-fogo permanente em janeiro, mas políticos espanhóis disseram que a medida não era suficiente, já que promessas semelhantes foram quebradas anteriormente.

+ Livraria

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página