Folha estreia Ciência Fundamental, blog produzido pelo instituto Serrapilheira

Blog buscará dar visibilidade a jovens cientistas brasileiros

São Paulo

A Folha estreia nesta quinta (16) o blog Ciência Fundamental, produzido pelo Serrapilheira, para dar visibilidade a jovens cientistas brasileiros. O instituto é o primeiro órgão privado de fomento à pesquisa do Brasil.

"É superimportante que os cientistas tenham voz e possam mostrar o trabalho que fazem. Ter um blog na Folha será uma oportunidade para isso", diz Hugo Aguilaniu, diretor do Serrapilheira (leia aqui seu texto de estreia).

O geneticista francês Hugo Aguilaniu, diretor do instituto, no lançamento do Instituto Serrapilheira
O geneticista francês Hugo Aguilaniu, diretor do Instituto Serrapilheira - Ricardo Borges - 22.mar.2017/Folhapress

Cinco autores se revezarão na produção de textos: o próprio Aguilaniu e quatro cientistas que o Serrapilheira apoia ou já apoiou. São eles Adriana Alves, pesquisadora e professora do Instituto de Geociências da USP, Gabriela Cybis, matemática da UFRGS que trabalha com epidemias, Bernardo Strassburg, economista que trabalha com conservação ambiental na PUC Rio, e Karín Menéndez-Delmestre, astrofísica e pesquisadora no Observatório do Valongo, da UFRJ.

"A ciência brasileira existe, é enorme e criativa e está em atividade", diz Natasha Felizi, diretora de divulgação científica do Serrapilheira.

"E a nossa missão é apoiar a ciência como um jeito de encarar a curiosidade, de fazer perguntas que não necessariamente terão respostas imediatas ou com aplicações".

Os autores falarão de suas pesquisas, da própria produção de ciência e de temas que tenham a ver com as suas áreas e sejam de interesse geral dos leitores.

"Às vezes a própria comunidade científica não se esforça para mostrar o que faz. Nós fazemos questão que os cientistas que apoiamos se comuniquem, expliquem o que estão fazendo. Essa comunidade precisa estar mobilizada o tempo todo, não só em momentos de crise, até para que a população esteja sensibilizada e veja sua importância quando chegarem os cortes de orçamento", diz Aguilaniu.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.