Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
12/07/2010 - 10h12

Sonda europeia Rosetta tem encontro com asteroide gigante

Publicidade

DA ASSOCIATED PRESS

A sonda Rosetta, da ESA (Agência Espacial Europeia), fez sua maior aproximação do asteroide Lutetia. O objeto é o maior do gênero a ser visitado por um satélite.

No sábado à noite, a Rosetta enviou à Terra as primeiras imagens do Lutetia, que ela sobrevoou a uma distância de apenas 3.200 km.

Esse pedaço de rocha espacial orbita entre Marte e Júpiter, a uma distância de cerca de 500 milhões de quilômetros da Terra.

A ESA diz que ainda levará semanas até que as 400 imagens e as medições feitas pelos instrumentos da sonda cheguem à Terra.

Embora Lutetia tenha sido descoberto há 150 anos, só recentemente ele pôde ser observado com propriedade. "Sabemos muito pouco sobre ele hoje", disse Rita Schulz, cientista da ESA.

Acredita-se que o asteroide tenha 134 km de diâmetro, mas os cientistas ainda não sabem se ele é do tipo "primitivo", que contém compostos de carbono, ou metálico.

Os cientistas esperam achar no Lutetia pistas sobre a história dos cometas e asteroides do Sistema Solar.

Mas, para a própria sonda, o sobrevoo do asteroide é apenas uma escala. Seu destino final é o cometa 67P/ Churyumov-Gerasimenko, aonde chegará em 2014 -dez anos após seu lançamento.

O objetivo da missão é estudar o material que formou os planetas.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Voltar ao topo da página