Painel S.A.

Julio Wiziack é editor do Painel S.A. e está na Folha desde 2007, cobrindo bastidores de economia e negócios. Foi repórter especial e venceu os prêmios Esso e Embratel, em 2012

Salvar artigos

Recurso exclusivo para assinantes

assine ou faça login

Painel S.A.

Planos de saúde devem manter números positivos em 2021

Adesão a todos os tipos de planos é maior entre pessoas acima de 59 anos

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O mercado de planos de saúde, que tem feito campanha pela redução dos procedimentos eletivos para deixar leitos livres na pandemia, deve manter os números positivos neste ano.

Segundo a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), em fevereiro, o número de brasileiros com plano de saúde bateu em quase 48 milhões, o maior desde dezembro de 2016.

Desde o início da pandemia até fevereiro de 2021, todas as modalidades de contratação avançaram. A adesão a todos os tipos de planos foi maior entre pessoas acima de 59 anos.

Na Bradesco Saúde, o mais procurado foi o segmento para grupos, para pequenas e médias empresas que têm de 3 a 199 segurados. Em 2020, cresceu 4,6% o número de novas empresas e funcionários de empresas já clientes que aderiram ao plano de saúde em comparação com 2019.

A Unimed teve saldo positivo de cerca de 200 mil novos beneficiários entre março de 2020 e janeiro deste ano --quase 40 mil a mais do que em 2019 inteiro.

Com Filipe Oliveira e Andressa Motter

LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.