Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
12/02/2012 - 16h58

Contra o Alzheimer, MuBE oferece curso de arte a idosos

Publicidade

ANDRESSA TAFFAREL
DE SÃO PAULO

Duas coisas sempre estiveram muito presentes na vida da professora Lucia Frota, 85: literatura e visitas a museus.

Há dois anos, passou a frequentar um curso no MuBE (Museu Brasileiro da Escultura), mas não apenas para aprender mais sobre artes plásticas: cores, formas e palavras agora têm a função de ajudá-la a manter vivas as memórias de toda uma vida.

Portadora do mal de Alzheimer, doença diagnosticada há três anos, dona Lucita, como é mais conhecida, entrou para o Faça Memórias Cultural em 2009, quando o projeto foi criado pelas arte-terapeutas Juliana Naso e Cristiane Pomeranz.

Divulgação
Idosas participam da edição 2011 do projeto Faça Memórias Cultural, voltado para pessoas com Alzheimer e realizado no MuBE, em SP
Idosas participam da edição 2011 do projeto Faça Memórias Cultural, voltado para pessoas com Alzheimer

A ideia de inscrever dona Lucita partiu da filha Lucia. "Achei que seria bom para ela. Hoje, os médicos dizem que minha mãe estaria na cama se não fizesse atividades que estimulam seu cérebro, como as que ela faz no curso [do MuBE]."

O projeto é inspirado num trabalho realizado no Museu de Arte Moderna de Nova York. O modelo brasileiro, porém, ganhou adaptações, como a realização de oficinas.

"O trabalho que fazemos mistura teoria e prática. Na primeira hora, os participantes visitam exposições, conversam com artistas. Na segunda, vamos ao ateliê e eles criam algo relacionado ao que viram e que, de alguma forma, tem a ver com suas memórias", explica Juliana.

Beneficiado por um fundo cultural, pela primeira vez o Faça Memórias será totalmente gratuito. Além de portadores de Alzheimer, idosos com alguma outra doença que afeta a memória também podem participar. O programa, porém, é limitado a pessoas que não estejam em estágio avançado da doença.

Para Vera Caovilla, da Associação Brasileira de Alzheimer de São Paulo, o curso ajuda no relacionamento dos idosos, que tendem a ficar mais isolados com o avanço da doença. "É importante não ficar apenas no tratamento medicamentoso."

-

Faça Memórias Cultural
Inscrições até 28 de fevereiro
ONDE: MuBE (rua Alemanha, 221, Jardim Europa, São Paulo)
QUANDO: Duas horas por semana, durante seis meses (dia e horário ainda indefinidos)
INFORMAÇÕES: terceiraidadecultural.com.br ou 0/xx/11/3081-8611

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página