Descrição de chapéu Agora Mobilidade urbana ciclovia

Covas diz que desativará ciclovias que incomodam a população em SP

Prefeitura deve concluir até junho estudo para reorganização das ciclovias

Ciclista passeia pela ciclovia da av. Faria Lima, na região de Pinheiros
Ciclista passeia pela ciclovia da av. Faria Lima, na região de Pinheiros - Alberto Rocha - 26.mar.17/Folhapress
Leonardo Fuhrmann
São Paulo

O prefeito Bruno Covas (PSDB) afirmou nesta sexta-feira (27) que vai desativar ciclovias que “incomodam a população”. Ele também admitiu que o serviço de zeladoria da cidade “não está a contento”.

“Há a necessidade de transformação de algumas ciclofaixas em ciclovias, de implantar outras para fazer interligação no sistema e de desativar algumas que não têm nenhum uso”, declarou o prefeito em entrevista à Rádio Eldorado.

“Vamos discutir com a população onde vamos implantar novas ciclovias para dar racionalidade ao sistema, ligando algumas que não têm ligação hoje. Vamos poder desativar algumas que só incomodam a população”, disse o prefeito paulistano.

Covas afirmou que a Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes está realizando um estudo detalhado para definir a reorganização das ciclovias, que será concluído em junho.

A respeito da zeladoria, Covas mostrou insatisfação. “Está melhor do que estava quando a gente assumiu, mas não está a contento. Ainda temos problemas de mato alto e buraco na rua”, disse. A primeira agenda pública do prefeito, no dia 7, foi uma atividade de zeladoria em Cidade Tiradentes, no extremo leste da cidade.

 
Agora
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.